O que é o gerenciamento da cadeia de fornecimento?

O gerenciamento da cadeia de fornecimento é o tratamento de todo o fluxo de produção de um bem ou serviço, a partir dos componentes brutos até a entrega do produto final ao consumidor. Uma empresa cria uma rede de fornecedores ("elos" na cadeia) que movem o produto desde os fornecedores de matérias-primas até aquelas organizações que tratam diretamente com os usuários.

Como funciona o gerenciamento da cadeia de fornecimento?

De acordo com o CIO¹, existem cinco componentes dos sistemas tradicionais de gerenciamento da cadeia de fornecimento:

Planejamento

Planeje e gerencie todos os recursos necessários para atender a demanda do cliente por um produto ou serviço de uma empresa. Quando a cadeia de fornecimento é estabelecida, determine métricas para mensurar se ela é eficiente, eficaz, entrega valor aos clientes e atende aos objetivos da empresa.

Sourcing

Escolha fornecedores para fornecer os bens e serviços necessários para criar o produto. Em seguida, estabeleça processos para monitorar e gerenciar relacionamentos com fornecedores. Os processos principais incluem: fazer pedidos, receber, gerenciar inventário e autorizar pagamentos a fornecedores.

Manufatura

Organize as atividades necessárias para aceitar matérias-primas, fabricar o produto, testar a qualidade, embalar para envio e agendar para entrega.

Entrega e Logística

Coordene pedidos dos clientes, agende entregas, despache cargas, fature clientes e receba pagamentos.

Devolvendo

Crie uma rede ou processo para receber devolução de produtos defeituosos, em excesso ou indesejados.


Por que o gerenciamento da cadeia de fornecimento é importante?

Sistemas de gerenciamento da cadeia de fornecimento eficazes minimizam o custo, o desperdício e o tempo no ciclo de produção. O padrão de mercado se tornou uma cadeia de fornecimento no modelo just-in-time, no qual as vendas no varejo automaticamente sinalizam pedidos de reabastecimento aos fabricantes. As prateleiras do varejo podem então ser reabastecidas quase tão rapidamente quanto o produto é vendido. Uma maneira de melhorar ainda mais esse processo é analisar os dados dos parceiros da cadeia de fornecimento para ver onde melhorias adicionais podem ser feitas.

Ao analisar dados de parceiros, a postagem¹ do CIO.com identifica três cenários onde o gerenciamento eficaz de cadeia de fornecimento aumenta o valor do ciclo da cadeia de fornecimento:

  • Identificando problemas potenciais. Quando um cliente pede mais produto do que o fabricante pode entregar, o comprador pode reclamar de um serviço deficiente. Por meio da análise de dados, os fabricantes podem ser capazes de antecipar a escassez antes que o comprador fique decepcionado.
  • Otimizando o preço dinamicamente. Produtos sazonais têm uma vida útil limitada. No final da temporada, esses produtos são tipicamente descartados ou vendidos com grandes descontos. Companhias aéreas, hotéis e outros com "produtos" perecíveis tipicamente ajustam os preços dinamicamente para atender à demanda. Ao usar software de análise, técnicas de previsão semelhantes podem melhorar as margens, mesmo para produtos duráveis.
  • Melhorando a alocação de inventário "disponível para promessa". Ferramentas de software analítico ajudam a alocar recursos dinamicamente e a planejar o trabalho com base na previsão de vendas, pedidos reais e entrega prometida de matérias-primas. Os fabricantes podem confirmar uma data de entrega do produto quando o pedido é feito reduzindo significativamente os pedidos feitos incorretamente.

Recursos principais do gerenciamento eficaz da cadeia de fornecimento

A cadeia de fornecimento é a "cara" mais óbvia dos negócios para clientes e consumidores. Quanto melhor e mais eficaz for o gerenciamento da cadeia de fornecimento de uma empresa, melhor ela protege a sua reputação de negócios e a sustentabilidade a longo prazo.

Simon Ellis, da IDC, emThe Path to a Thinking Supply Chain²  define o que é gerenciamento da cadeia de fornecimento ao identificar os cinco "Cs" do gerenciamento eficaz da cadeia de fornecimento do futuro:

  • Conectado: Ser capaz de acessar dados não estruturados a partir da mídia social, dados estruturados a partir da Internet das Coisas (IoT) e conjuntos de dados mais tradicionais disponíveis por meio de ferramentas de integração ERP e B2B tradicionais.
  • Colaborativo: Melhorar a colaboração com os fornecedores significa cada vez mais o uso de redes comerciais com base em cloud para permitir a colaboração e engajamento multicorporativo.
  • Ciberneticamente direcionado: A cadeia de fornecimento deve fortalecer seus sistemas e protegê-los de invasões cibernéticas e hacks, o que deve ser uma preocupação em toda a empresa.
  • Cognitivamente capacitado: A plataforma de IA se torna a torre de controle moderna da cadeia de fornecimento ao agrupar, coordenar e conduzir decisões e ações por toda a cadeia. A maior parte da cadeia de fornecimento é automatizada e de autoaprendizado.
  • Abrangente: Os recursos de análise de dados devem ser ajustados em escala com dados em tempo real. Os insights serão abrangentes e rápidos. A latência é inaceitável na cadeia de fornecimento do futuro.

Muitas cadeias de fornecimento iniciaram este processo, com participação em redes comerciais com base em cloud jamais registrada e grandes esforços em curso para reforçar os recursos de análise de dados.


Evolução do gerenciamento da cadeia de fornecimento

Enquanto as cadeias de fornecimento do passado focavam na disponibilidade, na movimentação e no custo dos ativos físicos, as cadeias de fornecimento atuais dizem respeito ao gerenciamento de dados, serviços e produtos incorporados em soluções. Os sistemas modernos de gerenciamento da cadeia de fornecimento são muito mais do que simplesmente onde e quando. O gerenciamento da cadeia de fornecimento afeta a qualidade do produto e do serviço, a entrega, os custos, a experiência do cliente e, finalmente, a rentabilidade.

Tão recentemente quanto 2017, uma cadeia de fornecimento típica acessou 50 vezes mais dados do que apenas cinco anos atrás.¹ No entanto, menos de um quarto desses dados está sendo analisado. Isso significa que o valor de dados críticos e sensíveis ao tempo, como informações sobre o clima, a escassez repentina de mão de obra, a instabilidade política e as microexplosões em demanda podem ser perdidos.

As cadeias de fornecimento modernas aproveitam quantias massivas de dados geradas pelo processo em cadeia e são selecionadas por especialistas em análises e cientistas de dados. Os futuros líderes da cadeia de fornecimento e os sistemas Enterprise Resource Planning (ERP) que eles gerenciam provavelmente se concentrarão na otimização da utilidade desses dados, analisando-os em tempo real com mínima latência.

Casos de uso do gerenciamento da cadeia de fornecimento

Chemonics

A Chemonics e a IBM co-criaram uma plataforma, primeira de seu tipo, chamada Automatic Requisition Tracking Management Information System (ARTMIS).

A plataforma ARTMIS ajuda a rastrear carregamentos em cada etapa da cadeia de fornecimento. Isso permitiu que a Chemonics gerencie pedidos de até 24 meses no futuro.

BASF

A BASF queria fazer da digitalização uma parte integrante de seus negócios para criar valor adicional para os clientes, expandir os negócios e melhorar a eficiência. Trabalhando com a IBM, a divisão Nutrition and Health da empresa realizou uma prova de conceito (PoC) com a tecnologia IBM® Watson™ para explorar como a IA e o machine learning podem oferecer suporte às decisões de inventário mais inteligentes, ajudando a garantir que os produtos cheguem no lugar certo na hora certa.

Farmer Connect

Saiba como a Farmer Connect e o IBM Food Trust™ estão se conectando os produtores de café aos consumidores com o blockchain.


Consultoria em cadeia de fornecimento

Consultoria em cadeia de fornecimento

Com IBM Services, é possível evoluir seus processos da cadeia de fornecimento em fluxos de trabalho inteligentes para atingir novos níveis de responsividade e inovação. Analise processos isolados para descobrir eficiências, permita que suas equipes obtenham sucesso no trabalho e use tecnologias emergentes, como a IA e o blockchain, para liberar oportunidades em todas as etapas da cadeia de valor, do planejamento da demanda à orquestração e ao atendimento de pedidos.

Conheça os tópicos de cadeia de fornecimento

Torre de controle da cadeia de fornecimento

Uma torre de controle da cadeia de fornecimento deve fornecer visibilidade de ponta a ponta em toda a cadeia de fornecimento, especialmente em eventos externos imprevistos.

Gerenciamento de pedidos

O rastreamento de pedidos, desde a concepção ao atendimento e o gerenciamento de pessoas, processos e dados conectados ao pedido à medida que se movimenta em seu ciclo de vida.

Gerenciamento de inventário

A visibilidade clara sobre transações de inventário pode impactar positivamente todo o processo de pedidos, armazenamento e uso de inventário, desde matérias-primas até o produto acabado.

Intercâmbio de dados eletrônicos

O EDI é um formato padrão para a troca de informações de negócios entre duas empresas de forma eletrônica em vez do uso de documentos em papel.

Análise de dados da cadeia de fornecimento

A análise de dados que pode afetar a qualidade, a entrega, a experiência do cliente e, por fim, a lucratividade.

Otimização da cadeia de fornecimento

A otimização da cadeia de fornecimento faz o melhor uso de tecnologia e recursos como o blockchain, a IA e a IoT para melhorar a eficiência e o desempenho em uma rede de fornecimento.

Cadeia de fornecimento do blockchain

Aumente a confiança em toda a sua rede de cadeia de fornecimento com o conhecimento de negócios e técnico do IBM Blockchain.

Integração B2B

A integração Business-to-business (B2B) é a automação de processos de negócios e comunicação entre duas ou mais organizações.

Transferência gerenciada de arquivos

A transferência gerenciada de arquivos (MFT) é uma plataforma de tecnologia que permite que as organizações, de forma confiável, troquem dados eletrônicos entre sistemas e pessoas de forma segura para atender às necessidades de conformidade.

Recursos do gerenciamento da cadeia de fornecimento

Blog: IBM Supply Chain

Insights sobre a criação de uma cadeia de fornecimento inteligente e com capacidade de correção automática.

Blog: IBM Blockchain

Insights sobre o desenvolvimento de uma cadeia de fornecimento de blockchain inteligente e com capacidade de correção automática.

Soluções de cadeia de fornecimento

Desenvolvidas para serem resilientes, as cadeias de fornecimento mais inteligentes se adaptam ao enfrentar interrupções. Cadeias de fornecimento mais inteligentes podem escalar para atender a novas demandas à medida que as necessidades do cliente mudam. As cadeias de fornecimento mais inteligentes são mais confiáveis e projetadas para gerar confiança entre você e seus clientes.

Soluções IBM

Gerenciamento de pedidos

O software de gerenciamento de pedidos permite que você orquestre toda a sua rede de atendimento com potentes recursos principais e opções de próximo nível.

Transparência da cadeia de fornecimento

Descubra por que 800.000 parceiros comerciais confiam na IBM com relação à conectividade de rede de parceiros com recursos de blockchain e de IA líderes de mercado.

Visibilidade da cadeia de fornecimento

IBM Sterling Supply Chain Insights é uma solução orientada por IA que fornece inteligência em tempo real para otimizar o desempenho da cadeia de fornecimento, correlacionando rapidamente dados de sistemas isolados, capturando conhecimento organizacional e criando playbooks digitais.

Blockchain para alimentos

Junte-se a um ecossistema de produtores, fornecedores, fabricantes, varejistas e outros criando um sistema alimentar mais inteligente, mais seguro e mais sustentável para todos.

Cadeia de fornecimento para o varejo

Otimize sua cadeia de fornecimento de varejo com a capacidade de responder às tendências em qualquer escala.

Cadeia de fornecimento para manufatura

A Indústria 4.0 explora dados ocultos para transformar o planejamento e as operações da cadeia de fornecimento. Atenda aos compromissos ao mesmo tempo que reduzindo os custos.

Fontes

¹What is supply chain management (SCM)?, Bart Perkins & Thomas Wailgum, CIO, 27 de agosto de 2017 (link externo à ibm.com)
²The Path to a Thinking Supply Chain (1,5 MB), Simon Ellis & John Santagate, IDC Technology Spotlight, agosto de 2018