O que é virtualização de desktop?
A virtualização de desktop permite a entrega de experiências de desktop seguras e completamente confiáveis para usuários finais em qualquer dispositivo.
Assine a newsletter da IBM
Arte digital abstrata com fundo preto e azul
O que é virtualização de desktop?

A virtualização de desktop cria uma versão baseada em software (ou virtual) do ambiente de desktop e do sistema operacional (SO) de um usuário final que é desacoplado do dispositivo de computação ou cliente do usuário final. Ela permite que o usuário acesse o próprio desktop de qualquer dispositivo de computação.

Modelos de implementação da virtualização de desktop

Infraestrutura de desktop virtual (VDI)

No modelo de implementação de VDI,  o sistema operacional é executado em uma máquina virtual (VM) que é hospedada em um servidor de um data center. A imagem de desktop é enviada pela rede até o dispositivo do usuário final, onde ele pode interagir com o desktop (além do sistema operacional e dos aplicativos subjacentes) como se fosse local.

A VDI fornece ao usuário a própria VM dedicada executando o próprio sistema operacional. Os recursos do sistema operacional, como drivers, CPUs, memória etc., operam em uma camada de software chamada hypervisor que imita a saída, gerencia a alocação de recursos para várias VMs e permite que eles sejam executados lado a lado no mesmo servidor.

Um dos principais benefícios da VDI é que ela pode fornecer o desktop e o sistema operacional do Windows 10 aos dispositivos do usuário final. No entanto, como a VDI suporta apenas um usuário por instância do Windows 10, ela requer uma VM distinta para cada usuário do Windows 10.

Serviços da área de trabalho remota (RDS)

No RDS, também conhecido como Remote Desktop Session Host (RDSH), os usuários acessam remotamente áreas de trabalho e aplicativos do Windows por meio do sistema operacional Microsoft Windows Server. Os aplicativos e as imagens de desktop são fornecidos por meio do Remote Desktop Protocol (RDP) da Microsoft. Anteriormente conhecido como Microsoft Terminal Server, esse produto permaneceu praticamente inalterado desde a liberação inicial.

Do ponto de vista do usuário, o RDS e a VDI são idênticos. No entanto, como uma instância do Windows Server pode suportar tantos usuários simultâneos quanto o suportado pelo hardware do servidor, o RDS pode ser uma opção de virtualização de desktop mais econômica. Também vale a pena observar que os aplicativos testados ou certificados para execução no Windows 10 podem não ter sido testados ou certificados para execução no sistema operacional Windows Server.

Desktop como serviço (DaaS)

No DaaS, as VMs são hospedadas em um back-end baseado na cloud por um provedor terceirizado. O DaaS é facilmente escalável, pode ser mais flexível do que as soluções locais e geralmente é implementado mais rapidamente do que muitas outras opções de virtualização de desktop.

Assim como outros tipos de virtualização de desktop na cloud, o DaaS compartilha muitos dos benefícios gerais da cloud computing, incluindo suporte para cargas de trabalho flutuantes e mudanças nas demandas de armazenamento, precificação baseada no uso e a capacidade de tornar aplicativos e dados acessíveis de praticamente qualquer dispositivo conectado à Internet. A principal desvantagem do DaaS é que os recursos e as configurações nem sempre são tão customizáveis quanto necessário.

Escolhendo um modelo

A VDI é uma opção popular porque oferece uma versão virtualizada de um modelo de computação familiar: a computação de desktop físico. No entanto, a implementação da VDI exige que você mesmo gerencie todos os aspectos da infraestrutura, incluindo hardware, sistemas operacionais e aplicativos, hypervisors e softwares associados. Isso pode ser desafiador quando sua experiência e seu conhecimento de VDI são limitados. A compra de todos os componentes da infraestrutura pode requerer um investimento inicial maior.

O RDS/RDSH poderá ser uma escolha adequada se suportar os aplicativos específicos que você precisa executar e seus usuários finais precisarem apenas de acesso a eles, não a desktops completos do Windows. O RDS oferece maior densidade de usuário final por servidor do que a VDI, e os sistemas geralmente são mais baratos e escaláveis do que os ambientes de VDI completos. Apesar disso, sua equipe precisa do conjunto de habilidades e experiência necessário para administrar e gerenciar a tecnologia RDS/RDSH.

Atualmente, o DaaS está ganhando popularidade à medida que as equipes de TI ficam mais confortáveis com desktops e aplicativos compartilhados. No geral, a tendência é que ele se torne a opção com custo mais reduzido. Também é o mais fácil de administrar, requerendo pouca experiência interna em gerenciamento de infraestruturas ou VDI. Ele é facilmente escalável e envolve despesas operacionais em vez de despesas de capital, o que representa uma estrutura de custo mais acessível para muitas empresas.

Benefícios da virtualização de desktop

A virtualização de desktops oferece muitos benefícios potenciais que podem variar de acordo com o modelo de implementação escolhido.

Administração simplificada. A virtualização de desktop pode fazer com que as equipes de TI gerenciem com mais facilidade as necessidades de computação dos funcionários. Sua empresa pode manter um único modelo de VM para funcionários em funções semelhantes, em vez de manter computadores individuais que devem ser reconfigurados, atualizados ou corrigidos sempre que mudanças no software são necessárias. Isso economiza tempo e recursos de TI.

Economia de custo. Muitas soluções de desktop virtual permitem migrar mais do seu orçamento de TI de despesas de capital para despesas operacionais. Como aplicativos com processamento intensivo de informações requerem menos poder de processamento quando são entregues por meio de VMs hospedadas em um servidor de data center, a virtualização de desktop pode prolongar a vida útil de dispositivos de usuário final mais antigos ou menos potentes. As soluções de desktop virtual no local podem exigir um investimento inicial significativo em hardware de servidor, software de hypervisor e outras infraestruturas, tornando o DaaS baseado na cloud, no qual você simplesmente paga uma taxa regular baseada no uso, uma opção mais atraente.

Melhor produtividade. A virtualização de desktops facilita o acesso dos funcionários aos recursos de computação da empresa. Eles podem trabalham a qualquer hora, em qualquer lugar e de qualquer dispositivo suportado com uma conexão à Internet.

Suporte a uma ampla variedade de tipos de dispositivo. Os desktops virtuais podem suportar o acesso à área de trabalho remota a partir de uma ampla variedade de dispositivos, incluindo laptops e computadores de mesa, thin clients, zero clients, tablets e até mesmo alguns telefones celulares. Você pode usar desktops virtuais para oferecer experiências semelhantes às de uma estação de trabalho e acesso ao desktop completo em qualquer lugar, a qualquer momento, independentemente do sistema operacional nativo do dispositivo do usuário final.

Segurança aprimorada. Na virtualização de desktop, a imagem de desktop é abstraída e separada do hardware físico usado para acessá-la, e a VM usada para fornecê-la pode ser um ambiente rigidamente controlado e gerenciado pelo departamento de TI da empresa.

Agilidade e ajuste de escala. Será rápido e fácil implementar novas VMs ou fornecer novos aplicativos sempre que for preciso, e será igualmente fácil excluí-los quando eles não forem mais necessários.

Melhores experiências de usuário final. Quando você implementa a virtualização de desktops, seus usuários finais desfrutam de uma experiência rica em recursos sem sacrificar a funcionalidade com a qual contam, como impressão ou acesso a portas USB.

Software de virtualização de desktop

O software necessário para fornecer desktops virtuais depende do método de virtualização escolhido.

Com a infraestrutura de desktop virtual (VDI), o sistema operacional do desktop (mais comumente o Microsoft Windows) é executado e gerenciado no data center. O software do hypervisoré executado no servidor host, fornecendo acesso a uma VM para cada usuário final por meio da rede. O software do broker de conexão é necessário para autenticar usuários, conectar cada um deles a uma máquina virtual, monitorar os níveis de atividade e redesignar a VM após o encerramento da conexão. Os brokers de conexão podem ser agrupados ou adquiridos separadamente do hypervisor.

Os serviços de desktop remoto (RDS/RDSH) podem ser implementados usando utilitários que acompanham o sistema operacional Microsoft Windows Server.

Se você escolher uma solução de desktop como serviço (DaaS), toda a instalação, configuração e manutenção do software serão realizadas pelo provedor de serviços de DaaS hospedado na cloud. Isso inclui aplicativos, sistemas operacionais, arquivos e preferências do usuário.

Soluções relacionadas
Dizzion Managed DaaS on IBM Cloud

Permita que usuários finais trabalhem de qualquer lugar sem sacrificar o desempenho ou a proteção

Conheça o Dizzion na IBM Cloud
Soluções de infraestrutura de desktop virtual (VDI) na IBM Cloud

Crie seu ambiente de VDI no IBM Cloud® para obter ganhos revolucionários e integração híbrida com ambientes existentes

Conheça a VDI na IBM Cloud
Infraestrutura da IBM Cloud

A infraestrutura como serviço (IaaS) da IBM Cloud é a infraestrutura certa para negócios mais inteligentes. Encontre as soluções ideais para as suas necessidades de negócios.

Conheça a infraestrutura da IBM Cloud
Recursos O que é um hypervisor?

Os hypervisors possibilitam a virtualização permitindo que diversas instâncias de sistema operacional sejam executadas simultaneamente nos mesmos recursos de computação física.

O que é DaaS (desktop como serviço)?

O DaaS oferece ambientes de desktop virtual completos, incluindo sistemas operacionais, aplicativos, arquivos e preferências do usuário, para usuários da cloud.

O que é cloud computing?

A cloud computing transforma a infraestrutura de TI em um utilitário, permitindo se conectar a recursos e aplicativos de computação pela Internet, sem instalá-los e mantê-los no local.

Dê o próximo passo

O Dizzion Managed DaaS na IBM Cloud pode ajudar as empresas a criar um ambiente de trabalho remoto ágil e de longo prazo, usando desktops na cloud para otimizar o desempenho, a segurança e a conformidade do usuário final. A solução pode oferecer suporte a uma variedade de casos de uso desafiadores, incluindo streaming de voz e vídeo, dispositivos pessoais em conformidade e cargas de trabalho intensivas em mídia.

Conheça mais e comece a usar o Dizzion Managed DaaS