Recursos principais do IBM Power System S924

Potente servidor de 2 sockets com até 24 núcleos ativos

Um servidor de 2 sockets com até 24 núcleos ativados e flexibilidade de configuração de E/S. Ele apresenta configurações de módulo de processador totalmente ativado do IBM® POWER9™ em um formato 4U (unidades EIA) com montagem em rack de 19 polegadas e 8 núcleos de 3.3 GHz, 10 núcleos de 2.9 GHz, 11 núcleos de 3.9 GHz e 12 núcleos de 2.75 GHz. Até 4096 GB de memória DDR4 em execução em diferentes velocidades (2133, 2400 e 2666 Mbps).

Recursos opcionais e integrados

Uma unidade PCIe Gen4 opcional com dois slots de módulo U.2 está disponível com o S924, além de recursos de expansão para os slots EXP12SX/EXP24SX SFF de gaveta de compartimento de 2ª geração e de PCIe Gen4 Hot-plug.Os recursos integrados incluem: Processador de serviço, tecnologia EnergyScale, hot-plug e resfriamento redundante, portas USB 3.0, duas portas HMC, uma porta do sistema com um conector RJ45 e quatro fontes de alimentação hot-plug redundantes.

Hypervisor do PowerVM integrado sem custo adicional

O IBM PowerVM® entrega virtualização de nível industrial para ambientes do AIX e do Linux em sistemas com base no processador POWER. É um hypervisor otimizado para cloud que é fornecido de forma integrada com todos os servidores POWER9 sem custo adicional. Ele reduz os custos de sobrecarga por meio de recursos de planejamento de capacidade e consolidação de cargas de trabalho. Ele foi aprimorado com um monitor de desempenho orientado por virtualização e estatísticas de desempenho estão disponíveis no HMC. Essas estatísticas de desempenho podem ser usadas para compreender as características de cargas de trabalho e se preparar para o planejamento da capacidade.

O processo é tão fácil quanto uma varredura de código QR

Acelera o desenvolvimento e o gerenciamento de aplicativos móveis. Ele inclui um ambiente de desenvolvimento, um middleware de tempo de execução, um armazenamento de aplicativos corporativos privado e um console de gerenciamento e análise para:Colocalizar aplicativos em um servidor escalável, simplificar o acesso aos dados e aplicativos com redes virtuais, acelerar a implementação e reduzir a sobrecarga usando a infraestrutura existente de produção e recuperação de desastres.

Subsistema de memória RAS

A memória tem detecção de erro e circuito de correção para que falhas em qualquer módulo de memória específico dentro de um ECC possam ser corrigidas sem gerarem outras falhas. Um DRAM sobressalente por classificação em cada porta de memória permite a substituição dinâmica do dispositivo DRAM durante a operação em tempo de execução. A linha dinâmica sobressalente no link do DMI permite realizar o reparo de uma linha de dados defeituosa. Suporta até 4 TB de memória.

Funções de disponibilidade do processador

O processador POWER9 realiza uma nova tentativa de instrução do processador para alguns erros transientes e a recuperação de processador alternativo para diversas falhas relacionadas ao núcleo. Isso reduz significativamente a exposição a erros graves (lógicos) e leves (transientes) no núcleo do processador.

Live Partition Mobility

Com Live Partition Mobility, os usuários podem migrar uma partição em execução em um sistema POWER para outro sistema POWER sem a interrupção de serviços. A migração transfere todo o ambiente do sistema, incluindo o estado do processador, a memória, os dispositivos virtuais conectados e os usuários conectados. Ele fornece um sistema operacional contínuo e disponibilidade de aplicativo durante interrupções de partição planejadas para reparo de falhas de hardware e firmware.

Prioridade de disponibilidade de partição

No ambiente do PowerVM, se um evento de recuperação de processador alternativo requerer recursos de processador sobressalentes para proteger uma carga de trabalho, quando nenhum outro meio de obter os recursos sobressalentes estiver disponível, o sistema determinará qual partição terá a menor prioridade e tentará recuperar os recursos necessários para permitir que essa capacidade seja obtida primeiro de uma partição de teste, por exemplo, em vez de um sistema de contabilidade financeira.

Disponibilidade de cache

Os caches L2 e L3 no processador POWER9 e o cache L4 no chip do buffer de memória são protegidos com o código de correção de erro de detecção de bit duplo e correção de bit único. Além disso, um limite de erros corrigíveis detectados nas linhas de cache pode resultar na remoção de dados das linhas de cache e na remoção das linhas de cache das operações adicionais, sem a necessidade de uma reinicialização no ambiente do PowerVM.

Processador de serviços

O processador de serviços oferece a capacidade de diagnosticar, verificar o status e detectar condições operacionais de um sistema. Ele é executado no próprio limite de energia e não requer recursos de um processador do sistema para ser executado.

Detalhes técnicos

Requisitos de software

Sistemas operacionais:AIX, IBM i e Linux

Requisitos de hardware

Nenhum requisito de hardware adicional é especificado.