Como a modernização de aplicativos e a automação geram valor
A FlowFactor usa o IBM WebSphere Hybrid Edition para gerar ganhos em eficiência
Colegas de trabalho discutindo programa de computador em escritório

A automação eliminará nossos empregos?Essa é uma pergunta feita para a FlowFactor o tempo todo em seu trabalho com diversas empresas buscando modernizar as operações para acompanhar o mercado ou inovar.

E como a FlowFactor implementa soluções de modernização e automação de aplicativos da IBM para ajudar as organizações a alcançar novos níveis de eficiência e flexibilidade, ela tem uma resposta clara para essa pergunta:

Não, a automação não eliminará seus empregos.Eles serão aprimorados.

Johan Janssen e Kilian Niemegeerts, Managing Partners e cofundadores da FlowFactor, trabalharam recentemente com um provedor de serviços de transporte público na Europa que cobre quase 200 milhões de quilômetros de rota em uma região densamente habitada.O projeto é um bom exemplo da alta demanda que a FlowFactor enfrenta no mercado de hoje, em que toda grande organização, ao que parece, busca se modernizar e automatizar para obter maior eficiência e agilidade. Porém, elas possuem uma estrutura de aplicativos de larga escala, legados e essenciais para os negócios que não acomodam facilmente a automação.

Modernização de aplicativos

 

A FlowFactor usou soluções IBM para ajudar um provedor de transporte público a modernizar 65 aplicativos

Implementações mais rápidas

 

A modernização de aplicativos e a automação reduziram o tempo de conclusão de todo o ciclo de implementação em > 99%, de até um mês para cerca de uma hora

O provedor de serviços de transporte tinha 65 aplicativos, com base em versões mais antigas do software Java Enterprise Edition, em execução na plataforma tradicional IBM® WebSphere® Application Server.Os processos de implementação manual significam que lançamentos de novos aplicativos levaram até oito semanas.Além disso, as equipes de desenvolvimento e de operações isoladas geravam maior risco de erros e retrabalho.

Janssen e Niemegeerts trabalharam diretamente com o cliente."As implementações eram feitam manualmente e não havia um ambiente de desenvolvimento integrado", explica Niemegeerts."Então, primeiro a equipe de desenvolvimento criou o aplicativo ou o novo recurso.E, depois de testar isso em seu próprio sistema, eles disponibilizaram para a equipe de operações com um conjunto de instruções em um documento Word, que continham até 20 páginas.Criamos um documento por aplicativo, para 65 aplicativos.Erros eram cometidos com frequência".

Para a FlowFactor, a missão era conhecida.Era necessário ajudar o cliente a modernizar e a conteinerizar seus aplicativos, criando maior flexibilidade para a automação de processos-chave.E deveria ajudar o provedor de serviços de transporte a entender como aproveitar os novos recursos ao máximo.

Assim que começarmos a entregar as primeiras propostas de aplicativos modernizados, será possível observar seus benefícios.Eles poderão observar que o tempo de implementação será mais rápido e causará menos impacto.Não será mais necessário definir longas janelas de manutenção para implementar um aplicativo. Kilian Niemegeerts Managing Partner and Co-founder FlowFactor
Modernização + automação = flexibilidade e eficiência

Para a fase de modernização de aplicativos do projeto, a FlowFactor usou três componentes principais para transformar os aplicativos da empresa de trânsito em arquiteturas modulares e em contêineres:

  • O software IBM Transformation Advisor fez a varredura dos aplicativos e das configurações e recomendou etapas para modernizar os aplicativos do WebSphere Application Server tradicional para o tempo de execução leve e nativo de cloud do IBM WebSphere Liberty em contêineres. Embora o número de etapas por aplicativo tenha criado a impressão de que a tarefa seria grande e assustadora, a FlowFactor usou sua experiência para identificar o código que muitos dos aplicativos tinham em comum, possibilitando a reutilização.Assim, depois de modernizar o primeiro aplicativo, o restante exigiu relativamente pouco trabalho.
  • O IBM WebSphere Liberty proporcionou um tempo de execução de aplicativos leve, ideal para a execução dos aplicativos modernizados em um ambiente de cloud híbrida e conteinerizado.(O Transformation Advisor, o WebSphere Liberty e o WebSphere tradicional estão todos disponíveis no IBM WebSphere Hybrid Edition.)
  • A plataforma Red Hat® OpenShift® (link externo à ibm.com) e o Open Liberty Operator ofereceram automação de implementação e orquestração de contêineres, agilizando a automação dos fluxos de trabalho entre ambientes de desenvolvimento, teste e produção.

A FlowFactor também redesenhou o pipeline de construção do cliente, criando processos padronizados e reutilizáveis.A partir daí, a equipe aplicou o Jenkins, um software livre de automação de ponta a ponta, desde os processos iniciais de criação até a implementação da produção.Graças à nova arquitetura do app, o software Jenkins pode automatizar a mudança do código conteinerizado em todo o ciclo de vida do software.

Mas tudo isso foi apenas parte do projeto.

Na área de transporte público, convencer as pessoas de que sua ideia é viável é a parte simples.A modernização de aplicativos pode ser a parte mais difícil.Uma coisa é implementar tecnologia que automatiza processos, outra é fazer com que as pessoas adotem melhorias em seu trabalho para aproveitar ao máximo o valor da automação.

A FlowFactor precisou ajudar a empresa de transporte a mudar sua cultura para aceitar a automação e adotar práticas de DevOps.

"Definitivamente, em clientes grandes e governos mais tradicionais, é um assunto bastante sensível", explica Niemegeerts.Engenheiros e outros profissionais especializados nos processos existentes levantam questões sérias: Será que as mudanças mais drásticas podem interferir em aspectos que funcionam bem?Será que os empregos serão simplesmente automatizados?

"O ponto principal", diz Niemegeerts, "é que precisamos encontrar um equilíbrio entre automatizar e continuar a envolver os engenheiros mais antigos e explicar a eles o que vai permanecer igual.Nós mostramos a eles que seus empregos nunca serão realmente substituídos, apenas passaram por mudanças.A parte mais importante é: eles serão responsáveis pela parte mais interessante do seu trabalho com mais frequência e não pelas tarefas repetitivas.Estamos usando o tempo deles para que possam solucionar problemas, pesquisar e inovar mais".

Niemegeerts continua: "Assim que começarmos a entregar as primeiras propostas de aplicativos modernizados, será possível observar seus benefícios.Eles poderão observar que o tempo de implementação será mais rápido e causará menos impacto.Não será mais necessário definir longas janelas de manutenção para implementar um novo aplicativo".

E o DevOps se torna a maneira de aproveitar ao máximo os processos mais rápidos e flexíveis.É aqui que as equipes previamente isoladas descobrem como equilibrar suas responsabilidades e a colaborar de forma mais eficiente e ágil.Como Janssen explica: "No passado, a disponibilidade de aplicativos era responsabilidade da equipe de infraestrutura.Agora, quando a equipe de infraestrutura percebe que a equipe de desenvolvimento está assumindo a responsabilidade de proporcionar estabilidade para a produção, não apenas novos recursos, acontece a mudança de mentalidade e o processo realmente começa, assim como a entrega de novos aplicativos".

Com relação à área de desenvolvimento, Janssen afirma "A equipe de desenvolvimento ganha mais autonomia.Eles agora podem implementar quando quiserem e em qualquer um de seus ambientes".

Automatizamos tudo.Em todas as áreas em que a implementação era feita manualmente, não existe mais nenhuma etapa manual, exceto o clique de um botão. Kilian Niemegeerts Managing Partner and Co-founder FlowFactor
Aceleração drástica e economia de tempo

Quando o provedor de serviços de transporte aceitou a adoção de modernização, automação e DevOps, as melhorias eram evidentes.

As atualizações de infraestrutura que costumavam demorar meses passaram a não levar mais do que um dia ou dois.Os ciclos de implementação completos que demoravam até um mês podem ser concluídos em cerca de uma hora.E implementações únicas que levavam horas agora precisam de apenas alguns minutos.

"Automatizamos tudo", diz Niemegeerts."Em todas as áreas em que a implementação era feita manualmente, não existe mais nenhuma etapa manual, exceto o clique de um botão".

Janssen explica a satisfação em todos os níveis da organização.Os desenvolvedores podem realizar mais trabalho em menos tempo, a equipe de operações ganha maior suporte com a garantia de estabilidade e, acima deles, "os líderes de negócios estão felizes com a agilidade com que eles podem entregar novos aplicativos e recursos".

Logotipo da Flowfactor
Sobre a FlowFactor

A FlowFactor (link externo à ibm.com), com sede em Kontich, Bélgica, oferece serviços gerenciados e soluções para ajudar as organizações de todos os setores a automatizar o DevOps para acelerar o time to market.A FlowFactor é um Parceiro de Negócios IBM e um membro do Cronos Group.

Dê o próximo passo

Para saber mais sobre as soluções IBM apresentadas nesta história, entre em contato com seu representante da IBM ou com o IBM Business Partner.

Leia o PDF Hera
Como a IA pode ajudar a reduzir o desperdício de aterros
Leia o estudo de caso
GBM
Novos recursos de TI para um mercado emergente
Leia o estudo de caso
CDG Prévoyance
Uma base para o futuro
Leia o estudo de caso
Legal

© Copyright IBM Corporation 2021. IBM corporation, IBM cloud, New orchard road, Armonk, NY 10504

Produzido nos Estados Unidos da América, novembro de 2021.

IBM, o logotipo da IBM, ibm.com e WebSphere são marcas comerciais da International Business Machines Corp., registradas em várias jurisdições no mundo inteiro. Outros nomes de produtos e serviços podem ser marcas comerciais da IBM ou de outras empresas. Uma lista atualizada das marcas comerciais IBM está disponível na internet em “Copyright and trademark information” em ibm.com/trademark.

Red Hat e OpenShift são marcas comerciais ou marcas registradas da Red Hat, Inc. ou de suas subsidiárias nos Estados Unidos e em outros países.

Este documento é atual na data de sua publicação inicial, podendo ser alterado pela IBM a qualquer momento. Nem todas as ofertas estão disponíveis em todos os países em que a IBM opera.

Os dados de desempenho e exemplos de clientes citados são apresentados apenas para fins ilustrativos. Os resultados práticos de desempenho podem diferir com base nas configurações específicas e nas condições de operação. AS INFORMAÇÕES CONTIDAS NESTE DOCUMENTO SÃO FORNECIDAS NO ESTADO EM QUE SEM ENCONTRAM, SEM QUALQUER GARANTIA, EXPRESSA OU IMPLÍCITA, INCLUINDO SEM QUAISQUER GARANTIAS DE COMERCIALIZAÇÃO, ADEQUAÇÃO A DETERMINADO FIM E QUALQUER GARANTIA OU CONDIÇÃO DE NÃO INFRAÇÃO. Os produtos IBM têm garantia de acordo com os termos e condições dos contratos sob os quais são fornecidos.