Comentários (1)

1 Rogerio_Pinto comentou às Link permanente

O proselitismo disseminado na área de TI (ou IT...) em prol do aprendizado da língua inglesa acaba produzindo situações curiosas. Uma, citada pelo Alberto, entrevistado no post, é a prioridade dada pelas empresas, no processo de seleção, ao domínio do inglês, em detrimento do conhecimento técnico e da experiência pregressa do candidato. Apesar de discutível, é uma opção soberana do contratante, e deve ser respeitada. Porem, como uma rápida análise do texto do entrevistado pode confirmar, parece que ao domínio da língua portuguesa tambem foi atribuído um peso mínimo nos critérios de contratação. E estou falando de conhecimentos básicos de morfologia e sintaxe. Parafraseando o próprio entrevistado, leia, leia muito, e leia mais ainda. Mas leia tambem textos em português!

Incluir um Comentário Incluir um Comentário