Detalhes do IBM Information Management System 15

Criptografia pervasiva de dados

Veja a documentação

Proteja os dados do IBM® z/OS® e simplifique a conformidade criptografando dados em bancos de dados VSAM de função completa, no log do IMS e em outros conjuntos de dados selecionados, de acordo com a política de criptografia e com sobrecarga mínima de CPU, sem alterações de aplicativos e impactos de SLA.

Privacidade de dados aprimorada nos diagnósticos

Veja o blog

Nunca houve uma demanda tão grande de proteção de dados confidenciais de clientes. Com os dados do IMS 15.2 no IBM z15, é possível identificar dados no armazenamento do IMS como sensíveis para garantir que eles sejam editados em dumps de dados tradicionalmente usados em diagnósticos.

Identifique anomalias de cargas de trabalho de desempenho específicas do IMS

Veja o artigo (PDF, 1,6 MB)

As cargas de trabalho de mainframe centralizadas e suas interdependências podem tornar os problemas de desempenho difíceis de isolar e resolver. O IBM z/OS Workload Interaction Correlator utiliza dados de resumo de middleware, como o IMS, para definir e correlacionar dinamicamente as anomalias de desempenho, facilitando o isolamento e a resolução delas.

Relatórios e auditabilidade móveis

Veja a documentação

Propague identidades de usuários originais de ambientes distribuídos para o IBM IMS, com auditabilidade e segurança de callout. Também é possível relatar cargas de trabalho para transações móveis. O IMS 15 funciona com o IBM z/OS Workload Manager, para rastrear e relatar transações móveis e a quantia de processamento usada por elas.

Aprimoramentos de segurança do usuário do terminal RACF

Veja a documentação

Ative a reunião de estatísticas do RACF® para a execução de senha do RACF, usando uma opção do IMS Connect. Também é possível usar caracteres especiais do RACF em senhas, que podem ser exploradas pelo IMS e pelo IMS Connect.

Suporte de 64 bits e rastreamento da JVM

Veja a documentação

Ative o armazenamento de 64 bits e o gerenciamento eficiente de memória para aplicativos Java nativos. O IMS pode capturar as estatísticas de uso de JVMs que são executadas em regiões dependentes do IMS em intervalos de tempo especificados, incluindo tempo de execução decorrido, memória heap usada, threads processados e muito mais. As estatísticas podem ser visualizadas no System Management Facility (SMF). Também é possível usar uma nova instrução DD, //STDENV DD, na JCL de inicialização da região dependente para melhorar a segurança, a flexibilidade e o controle sobre as configurações da JVM.

Processamento otimizado de mensagens OTMA

Veja a documentação

Os clientes com aplicativos que lidam com um processamento intenso de transações OTMA estão familiarizados com o impacto de desempenho das notificações de mensagens, da limpeza de TPIPE e do controle de inundação TPIPE devido ao volumes de mensagens. No IMS 15.2, algumas mensagens OTMA podem ser processadas no ambiente de filas compartilhadas, que oferece o processo de limpeza TPIPE recém-modificado e o controle de inundação TPIPE aprimorado, além de aprimoramentos no processamento de mensagens OTMA.

Desempenho e ajuste

Veja a documentação

Ajude a maximizar o desempenho usando o IMS Logger, para explorar os recursos de hardware do DFSMS Media Manager. Melhore a utilização da CPU usando CPOOL ao invés de STORAGE OBTAIN. Um novo parâmetro para o número de threads ativos simultâneos, MINTHRDS, permite ajustar o número mínimo de threads ativos simultâneos para um armazenamento de dados individual. O gerenciamento de thread de conexão ESAF reduz a sobrecarga nas conexões IMS com o ESAF.

Aprimoramentos do IMS Connect

Veja a documentação

Aumente o número máximo de portas de 50 para 200. O suporte é incluído para especificar um tempo limite para conexões inativas. Uma opção é incluída para gerar um novo ID de cliente exclusivo quando uma duplicata é detectada.

Opção de precificação por unidade de valor

São oferecidas versões à vista do IMS TM e do IMS DB para aplicativos ou cargas de trabalho implementados em partições lógicas qualificadas do IBM Z New Application License Charge.

Detalhes técnicos

Requisitos de software

O IMS 15 requer os seguintes níveis mínimos de versão, liberação ou modificação (desde que essas versões permaneçam disponíveis e suportadas pela IBM):

  • Processador de sistemas IBM z/OS e IBM Z®
  • Java
  • IRLM
  • IBM Db2®, IBM CICS®, IBM WebSphere® MQ e IBM WebSphere Application Server
  • COBOL

Requisitos de hardware

O IMS 15 é executado somente em modo z/Architecture® em um processador do IBM System z10® ou posterior.