Recursos do IBM Screen Definition Facility II

Editores de painel e de grupos de painéis

Use o editor de painel para definir os principais componentes de um painel, incluindo seu formato e a estrutura de dados. O formato descreve como os dados são apresentados em um dispositivo; a estrutura de dados descreve como os dados são comunicados para e do aplicativo. O IBM® Screen Definition Facility II pode distinguir entre as características gerais de painel e as específicas para um sistema de destino. O editor de grupos de painéis pode definir objetos exigidos pelos serviços de tempo de execução IBM CICS® BMS, IBM IMS™ MFS, CSP/AD e IBM GDDM-IMD.

Editor de conjunto de partições

Defina como a tela de um dispositivo de exibição IBM 8775, IBM 3290 ou IBM 3180 é dividida em diversas áreas controladas separadamente.

Editores de tabela de controle e de tabela AID

Mapeie ações do operador para valores retornados ao aplicativo, com o editor de tabela AID (identificador de atenção). É possível usar o editor de tabela de controle para definir uma sequência de operações condicionais e suas funções associadas de controle ou ramificação.

Geração de painéis, de grupos de painéis e de conjuntos de partições

Gere painéis, grupos de painéis e conjuntos de partições para uso no sistema de destino. É possível gerar esses objetos: macros CICS BMS e estruturas de dados de aplicativos; instruções de controle do utilitário IMS MFS, estruturas de dados do aplicativo (requer o recurso MFS opcional); estruturas de dados e painéis ISPF; conjuntos de dados de exportação GDDM-IMD e conjuntos de dados de exportação CSP/AD ou formatos de origem externa CSP/AD.

Criação de protótipos de aplicativos

Revise o fluxo de painéis, juntamente com o eventual usuário do aplicativo, antes que alguém escreva uma linha de código. Incorpore feedback antecipado no design do aplicativo antes que ele seja implementado.

Utilitário de importação

Importe mapas, conjuntos de mapas e conjuntos de partições definidos com macros CICS BMS em uma biblioteca suportada por SDF. Importe conjuntos de formatos definidos com o controle de utilitário IMS MFS; painéis definidos na sintaxe de painel do ISPF V2 ou posterior; mapas, grupos de mapas e tabelas AID definidos e exportados de GDDM-IMD; mapas/grupos de mapas definidos e exportados de CSP/AD, do formato de origem externa CSP/AD ou do formato estendido de origem externa; e mapas/conjuntos e partições definidos e descartados com SDF e CICS.

Utilitário de conversão

Converta objetos SDF II definidos para um sistema de destino para um formato adequado para outro sistema de destino.

Utilitário de extração

Extraia informações sobre um painel e seus campos e transmita-as à uma saída de usuário, onde o processamento adicional pode ser realizado.

Detalhes técnicos

Requisitos de software

O IBM Screen Definition Facility II é executado nos seguintes ambientes:

  • IBM MVS™/ESA, OS/390®, z/OS®
  • VM, VM/ESA, z/VM®
  • VSE/ESA

Requisitos de hardware

O IBM Screen Definition Facility II é executado em mainframes IBM Z®.