Como ele funciona

Edição de programação de aplicativo

Implemente transformações em ambientes de programação customizados e servidores de aplicativos de terceiros. Esta edição inclui APIs e interfaces para C, Java, EJB, COBOL e outros para integrar o mecanismo de transformação em seu ambiente ou programa. Recomendado quando se deseja chamar diretamente do aplicativo no mecanismo de transformação para executar um mapa de transformação pré-desenvolvido.

Edição do servidor de comandos

Permite chamar o mecanismo de transformação usando uma linha de comandos, um shell script, uma JCL ou um cronômetro. Esta edição é recomendada para ambientes de processamento independente e em lote. Ela é ideal para ampliar um aplicativo existente, um processo em lote ou processos de negócios baseados em troca com intrusão mínima.

Edição do ativador

Oferece um ambiente de tempo de execução do servidor de eventos independente para o mecanismo de transformação. Esta edição ativa transformações baseadas em acionadores, como uma criação de arquivo, uma mensagem chegando em um IBM MQ Queue, um acionador DBMS ou um cronômetro. Com suporte para até 100 entradas e saídas, ele pode manipular diversos cenários de processamento de evento complexo. Ele também oferece um editor de fluxo gráfico para ajudar a processar os fluxos de transformação de processo.

Edição de servidor de integração

Amplia o mecanismo de transformação na infraestrutura de middleware, incluindo o IBM B2B Integrator, o Integration Bus e o WebSphere Application Server.

Detalhes técnicos

Requisitos de software

Os requisitos de software do IBM Transformation Extender podem ser encontrados aqui.

    Requisitos de hardware

    Os requisitos de hardware do IBM Transformation Extender podem ser encontrados aqui.

    • Os sistemas operacionais incluem AIX, HP-UX, Linux, Solaris, Windows e z/OS