Perguntas frequentes

O que é uma cloud privada virtual (VPC)?

Uma cloud privada virtual (VPC) é uma solução de cloud pública que permite a uma empresa estabelecer seu próprio ambiente de computação semelhante a uma cloud privada em uma infraestrutura de cloud pública compartilhada. Uma VPC dá a uma empresa a capacidade de definir e controlar uma rede virtual que é logicamente isolada de todos os outros locatários da cloud pública, criando um lugar privado e altamente seguro na cloud pública.

Quais são as vantagens de uma VPC?

Uma VPC pode ajudá-lo a controlar o tamanho de sua rede virtual e implementar recursos de cloud sempre que for necessário. Ela é suportada por recursos redundantes e arquiteturas de zona de disponibilidade altamente tolerantes a falhas. E como a VPC é uma rede isolada logicamente, seus dados e aplicativos não compartilharão espaço ou se misturarão com os de outros clientes do provedor de cloud. E, por fim, uma VPC o ajuda a aproveitar a economia em custos de hardware e de tempo de mão de obra.

Quais são os benefícios de negócios de uma VPC?

Uma VPC fornece crescimento flexível conforme você se adapta às mudanças nas necessidades de negócios. Em um mundo digital, os clientes esperam um tempo de atividade de quase 100%. A alta disponibilidade de ambientes de VPC ajuda a atingir este objetivo. As VPCs podem contar com altos níveis de segurança no nível da instância, da sub-rede ou em ambos, reduzindo o risco em todo o ciclo de vida dos dados. E com custos reduzidos e menos demandas para a sua equipe interna de TI, é possível concentrar os esforços na inovação de negócios.

Quão segura é uma VPC?

As VPCs alcançam altos níveis de segurança criando réplicas virtualizadas dos recursos de segurança que controlam o acesso aos recursos alocados em data centers tradicionais. É possível definir redes virtuais em partes isoladas logicamente da cloud pública. É possível controlar quais endereços IP têm acesso a quais recursos.

As listas de controle de acesso (ACLs) são listas de regras que limitam quem pode acessar uma determinada sub-rede na VPC. A ACL define o conjunto de endereços IP ou aplicativos aos quais é concedido acesso à sub-rede.

É possível criar grupos de recursos, que podem estar localizados em mais de uma sub-rede, e designar regras de acesso uniforme a eles. Grupos de segurança atuam como firewalls virtuais, controlando o fluxo de tráfego para os seus servidores virtuais, independentemente da sub-rede na qual estejam.

É possível conectar minha VPC às minhas outras cargas de trabalho da IBM Cloud?

Sim. É possível configurar o acesso à sua infraestrutura clássica da IBM® Cloud por meio de uma VPC em cada região.

Como configurar o acesso à infraestrutura clássica

O tamanho de uma sub-rede pode ser alterado após sua criação?

Não. Uma sub-rede não pode ser redimensionada após sua criação.

Qual é o limite de número de caracteres em um nome de VPC?

Atualmente, o limite é de 100. Se esse limite for excedido, é possível que você receba uma mensagem de "erro interno".

O nome de recurso VPC pode começar com um número?

Não. Embora o nome possa conter números, ele deve começar com uma letra.

Existem restrições sobre quais caracteres podem ser usados em um nome de recurso VPC?

Sim. A interface com o usuário bloqueia traços duplos consecutivos, sublinhados e pontos em nomes de instâncias de servidor virtual (VSI).

Durante a criação de um gateway de pacote, é necessário reservar o endereço IP flutuante?

Se um endereço IP flutuante existente não for especificado, a API criará automaticamente um endereço IP flutuante com o gateway público. O seu endereço IP flutuante aparecerá ao consultar todos os endereços IP flutuantes.

O que impõe a regra de que deve haver apenas um gateway público por zona para uma VPC?

O serviço de API da VPC aplica esse limite.

Como é possível obter o nome de recurso em cloud (CRN) de uma VPC?

Para obter o CRN de uma VPC, clique em Menu e em Lista de recursos no console da IBM Cloud. Expanda Infraestrutura de VPC para listar suas VPCs. Selecione uma VPC e, em seguida, clique na entrada Status para visualizar seus detalhes. Use o ícone para copiar o CRN e cole-o onde for necessário.