Vencendo com o clima na WAAY-TV
Rede única de radares meteorológicos de TV que salva vidas
Torre da WAAY TV com a cidade e o céu ao fundo

Em 27 de abril de 2011, 72 pessoas morreram quando o tornado mais mortal da história do Alabama devastou o norte do estado. O tornado Hackleburg–Phil Campbell foi classificado como EF-5, a categoria mais destrutiva de tornados, com ventos superiores a 200 milhas por hora. Ele obliterou casas, dizimou árvores e carregou veículos por centenas de metros, às vezes em segundos.

Kate McKenna é a chefe de meteorologia da WAAY-TV em Huntsville, Alabama, uma cidade próspera e focada em tecnologia no coração do Vale do Tennessee. Recentemente, ela publicou um artigo explicando por que algumas pessoas foram pegas de surpresa pelo tornado Hackleburg–Phil Campbell.

"Em um dia como 27 de abril, grandes tornados de longo percurso e violentos não são perdidos pelos radares. Eles são vistos de longe, com rotação bem definida e assinaturas de detritos", escreve McKenna.

Na época, no entanto, quase todas as estações de transmissão no norte do Alabama dependiam exclusivamente do radar do National Weather Service (NWS), que geralmente varre a região a cada 4 – 6 minutos. O tornado Hackleburg–Phil Campbell e outros tornados em 27 de abril viajaram até 70 milhas por hora e o radar do NWS tem pontos cegos que criam lacunas na cobertura, principalmente devido ao terreno. A WAAY 31 StormTracker Early Warning Radar Network muda isso. Com radares cobrindo todo o norte do Alabama, de Shoals a Huntsville e Decatur, até Guntersville, eles eliminaram quaisquer lacunas na cobertura do radar, fornecendo dados em tempo real ao vivo à medida que o tempo severo se aproxima.

Embora o tornado Hackleburg–Phil Campbell tenha sido singularmente devastador, os residentes do norte do Alabama estão acostumados a avisos de tornados. A região é propensa a tornados de categoria forte a violenta, particularmente de março a maio. O estado também experimenta outros tipos de clima severo durante todo o ano.

"Somos conhecidos por nossos tornados, mas temos de tudo, de furacões e restos de tempestades tropicais a nevascas e tempestades de gelo", diz McKenna. "Até temos pequenos terremotos no nordeste do Alabama, possivelmente causados pela topografia cárstica lá."

Alto desempenho

 

A rede de radar privada WAAY-TV reúne dados meteorológicos até 4-6 vezes mais rápido

Ampla cobertura

 

Os meteorologistas WAAY-TV têm radar preciso e de alta resolução em 13.500 milhas quadradas

Ficar à frente do tempo, para ajudar a manter as pessoas e suas famílias seguras, é uma das maiores vocações de nossa estação. Mike Wright Gerente geral WAAY-TV

Para ajudar a proteger os residentes, a WAAY-TV precisava de insights de radar em tempo real. Também precisava de uma cobertura mais extensa do que o NWS poderia oferecer. O NWS usa dois sistemas de radar de longo alcance para coletar dados para o norte do Alabama, uma região de 13.500 milhas quadradas com grandes planaltos, colinas ondulantes e algumas terras baixas. Um está localizado em Hytop, Alabama, a nordeste de Huntsville no condado de Jackson, e o outro está a sudoeste em Columbus, Mississippi, perto da linha do estado.

Cada radar meteorológico varre uma grande área circular, mas devido à localização dos radares, essas áreas circulares de cobertura não cobrem completamente as regiões, criando "lacunas de segurança" em áreas altamente povoadas como Florence e Muscle Shoals no noroeste do Alabama. Além disso, como a altura do feixe aumenta com a distância, uma condição acentuada pela curvatura da Terra, os feixes de radar do NWS não conseguiam detectar atividades atmosféricas mais próximas ao solo em suas bordas externas.

Dados meteorológicos rua por rua

Para abordar essas limitações, a estação construiu a WAAY 31 Storm Tracker Early Warning Radar Network, uma das maiores redes de radar de propriedade privada nos EUA. Combinando os dados de radar proprietários da estação com os dados do NWS, a WAAY-TV elimina lacunas na cobertura e obtém informações meteorológicas precisas e atualizadas em todo o norte do Alabama e se estendendo para Mississippi, Tennessee e Geórgia.

A rede é composta por três radares Doppler da parceira de negócios da IBM, Enterprise Electronics Corporation (EEC), uma fabricante líder global de radares meteorológicos de precisão. Os dados do radar de rede também se integram sem dificuldades com Max Storm e outras soluções Max Ecosystem da The Weather Company, uma empresa da IBM.

Faça chuva ou faça sol, os meteorologistas da WAAY-TV agora podem fornecer aos telespectadores insights meteorológicos únicos, incluindo alertas exclusivos bem antes da chegada das tempestades. Ao entregar previsões ao vivo e também as enviando para dispositivos móveis e web, eles não só podem potencialmente salvar vidas, mas também atrair novos telespectadores, incluindo pessoas que tendem a depender de aplicativos de terceiros para informações meteorológicas.

Os meteorologistas da WAAY-TV e engenheiros da EEC projetaram a WAAY 31 Storm Tracker Early Warning Radar Network com base em meses de estudo de trajetórias históricas de tornados e mapeamento de feixes de radar. Após suas pesquisas, concluíram que, se a estação instalasse um único radar centralizado, a cobertura seria obstruída em algumas áreas pelo terreno. No final, decidiram usar três radares compactos estrategicamente localizados com cobertura sobreposta.

A estação trabalhou com a EEC para instalar uma unidade EEC Ranger X-Band de curto alcance no topo do telhado de um banco em Decatur. Também instalaram duas unidades EEC Maverick X-Band de maior alcance em torres de água — algo nunca feito antes — em Muscle Shoals, a oeste, e outra em Guntersville, a leste.

Além disso, a tecnologia avançada de dupla polaridade da EEC fornece imagens com resolução de 16 metros, aproximadamente 10 vezes a das imagens do NWS. Com cobertura detalhada e sobreposta, meteorologistas podem visualizar circulações de baixo nível, como tornados de menor escala, microexplosões e ventos lineares.

A EEC e especialistas da The Weather Company ajudaram a integrar a rede de radar na solução Max Storm, que permite aos meteorologistas criar visualizações de radar de alta resolução únicas que são de maior resolução do que aquelas criadas apenas com dados de radar do NWS. Além disso, meteorologistas podem dar zoom em áreas de possíveis enchentes relâmpago intensas, chuvas fortes e granizo. Mais importante, meteorologistas podem se concentrar em informações de velocidade indicando tempestades rotativas, definindo assim locais e movimentos específicos de tornados até o nível da rua. Eles também podem diagramar trajetórias de tempestades projetadas em detalhes.

Além disso, meteorologistas podem distribuir rapidamente o radar meteorológico e imagens entre plataformas usando a solução Max Engage with Watson. Com a solução Max Connect, eles podem controlar facilmente todas essas funções ao vivo ou não usando um dispositivo Apple iPad.

A prova está nos dados. [Durante uma recente tempestade de inverno] nosso radar Decatur estava escaneando em um nível tão baixo que pudemos ver neve localizada com efeito de lago. Era tão localizado que o radar do NWS em Hytop e Columbus não conseguiu detectar. Kate McKenna Chefe de meteorologia WAAY-TV
Insights meteorológicos até 4 a 6 vezes mais rápidos

Com a WAAY 31 Storm Tracker Early Warning Radar Network, a estação obtém insights meteorológicos resolutos a cada minuto, em vez de esperar até 4 – 6 minutos por dados de radar do NWS menos precisos, dependendo do modo de varredura do NWS em uso. Esta economia de tempo pode literalmente fazer a diferença entre a vida e a morte para os residentes.

Para Wright, nada é mais importante do que informar os espectadores sobre o clima potencialmente ameaçador à vida de forma mais rápida e com maior precisão do que qualquer outro.

"Manter-se à frente do clima, para ajudar a manter as pessoas e suas famílias seguras, é um dos maiores chamados de nossa estação", diz ele.

O desempenho do radar da WAAY-TV em comparação com o radar do NWS tornou-se aparente em meados de fevereiro de 2021, quando uma tempestade quase nacional causou chuva congelante, granizo e neve em todo o centro e norte do Alabama.

"A prova está nos dados. Nosso radar em Decatur estava escaneando em um nível tão baixo que conseguimos ver neve localizada, causada pelo efeito do lago. Era tão localizado que o radar nacional em Hytop e Columbus não conseguiu detectar", explica McKenna.

"Além disso, tínhamos precipitações de neve chegando a Shoals", ela acrescenta, "e conseguimos ver essas pequenas faixas de neve fraca, que são notoriamente difíceis de captar. Nada era visível nos radares nacionais."

Ao investir em sua própria rede de radar local, a estação está bem posicionada para aumentar sua audiência e impulsionar as classificações, especialmente expandindo sua presença digital.

"Quero ter certeza de que, quando as pessoas investem seu tempo na WAAY, nós damos a eles as informações meteorológicas severas que estão procurando o mais rápido possível e que seja atualizado — fornecendo um aviso mais antecipado do que outros radares disponíveis no mercado — e preciso", comenta Wright.

As visualizações móveis e na web da estação e as interações com a audiência aumentaram desde que a rede se tornou totalmente operacional em 2020. Usando dispositivos móveis e na web, os espectadores da WAAY-TV podem acessar as três telas de radar ao vivo a qualquer momento. Eles também podem receber insights meteorológicos personalizados e oportunos e conversar individualmente com meteorologistas da WAAY-TV nas redes sociais.

Com uma rede de radar de ponta, a estação também fortaleceu sua marca e cultura. Funcionários e residentes estão assumindo a propriedade da rede, estimulando conexões mais profundas que encorajam os telespectadores a continuar sintonizando na WAAY-TV. Por exemplo, os líderes de Tuscumbia, Alabama, apresentarão à estação a chave da cidade em gratidão por colocar uma das unidades de radar nas proximidades de Muscle Shoals, uma área anteriormente não atendida por cobertura de radar.

“Sempre acreditei que você ganha com o clima”, diz Wright.

Logotipo da WAAY-TV e da EEC
Sobre a WAAY-TV

A WAAY-TV, canal virtual 31, é uma estação de televisão afiliada à ABC em Huntsville, Alabama, também lar do Centro Espacial George C. Marshall da NASA. Propriedade da Allen Media Broadcasting, a WAAY-TV é uma das principais fornecedoras de notícias locais, informações meteorológicas, esportes e eventos comunitários. Atende a região do norte do Alabama e do sul do Tennessee desde 1959 e emprega 74 pessoas.

Sobre a Enterprise Electronics Corporation (EEC)

Líder global em sistemas de radar meteorológico e satélite, a EEC, parceira de negócios da IBM, fabricou e instalou aproximadamente 1.100 sistemas de sensoriamento remoto em mais de 100 países. Fundada em 1971 em Enterprise, Alabama, a empresa é líder do setor na introdução de novas tecnologias que aprimoram o desempenho. Seu foco na inovação tecnológica continua ajudando a impulsionar seu sucesso.

Sobre a The Weather Company

A The Weather Company, uma empresa da IBM, fornece mais de 25 bilhões de previsões personalizadas e práticas globalmente todos os dias para milhões de consumidores e milhares de profissionais de marketing e empresas. Isso é alcançado por meio da API da The Weather Company, sua divisão de soluções de negócios, e produtos digitais do The Weather Channel e Weather Underground. Seus produtos incluem o aplicativo de previsão do tempo mais baixado do mundo, uma rede de 250.000 estações meteorológicas pessoais, um dos 20 principais sites dos EUA, uma das maiores plataformas de Internet das Coisas (IoT) do mundo e soluções de negócios líderes do setor.

Próximo:
O valor da posse de um radar meteorológico avançado Blog As cinco principais razões pelas quais você precisa de um radar ao vivo agora PDF O futuro do clima: preciso, oportuno, personalizado PDF
Notas de rodapé

© Copyright IBM Corporation 2021. IBM corporation, The weather company, New orchard road, Armonk, NY 10504

Produzido nos Estados Unidos da América, abril de 2021.

IBM, o logotipo IBM, ibm.com e With Watson são marcas comerciais da International Business Machines Corp., registradas em várias jurisdições no mundo inteiro. Outros nomes de produtos e serviços podem ser marcas comerciais da IBM ou de outras empresas. Há uma lista atualizada de marcas registradas da IBM disponível na web em "Copyright and trademark information", em https://www.ibm.com/legal/copytrade.

The Weather Channel, The Weather Company e Weather Underground são marcas registradas ou marcas comerciais da TWC Product and Technology, LLC, uma empresa da IBM

Este documento é atual na data de sua publicação inicial, podendo ser alterado pela IBM a qualquer momento. Nem todas as ofertas estão disponíveis em todos os países em que a IBM opera.

Os dados de desempenho e exemplos de clientes citados são apresentados apenas para fins ilustrativos. Os resultados reais de desempenho podem variar de acordo com configurações e condições operacionais específicas. AS INFORMAÇÕES CONTIDAS NESTE DOCUMENTO SÃO FORNECIDAS NO ESTADO EM QUE SEM ENCONTRAM, SEM QUALQUER GARANTIA, EXPRESSA OU IMPLÍCITA, INCLUINDO SEM QUAISQUER GARANTIAS DE COMERCIALIZAÇÃO, ADEQUAÇÃO A DETERMINADO FIM E QUALQUER GARANTIA OU CONDIÇÃO DE NÃO INFRAÇÃO. Os produtos IBM têm garantia de acordo com os termos e condições dos contratos sob os quais são fornecidos.