Infraestrutura de TI da IBM é o combustível da nuvem híbrida

By | 4 minute read | 11/11/2020

A pandemia global e a interrupção econômica resultante aceleraram os planos de quase todas as organizações na digitalização dos negócios e das operações. Nossos clientes estão aumentando seus investimentos em inteligência artificial (IA) e na nuvem, enquanto agem rapidamente para reduzir os custos e tratar de questões relacionadas à segurança com abordagens como computação confidencial e resiliência.

A abordagem de nuvem híbrida da IBM, juntamente com a Red Hat, está no epicentro dessa transformação rápida e massiva. O Red Hat OpenShift, a plataforma Kubernetes corporativa líder da indústria, proporciona às organizações a flexibilidade de escolher onde implementar as cargas de trabalho. Ele também proporciona o equilíbrio entre a necessidade de manter as cargas de trabalho perto dos dados locais ou em uma nuvem privada, enquanto aproveita a agilidade e a flexibilidade de uma nuvem pública, como a IBM Cloud.

Na infraestrutura de TI da IBM, vemos 3 casos de uso importantes para a adoção de nuvem híbrida:

  • Modernização e conteinerização de aplicações para aumentar a velocidade do desenvolvedor e fornecer um gerenciamento de nuvem híbrida consistente;
  • Estabelecimento de uma integração de baixa latência entre aplicações e dados críticos para os negócios, juntando aplicações tradicionais e nativas de nuvem;
  • Tornar as aplicações nativas em nuvem seguras, escaláveis e resilientes com uma infraestrutura de software e hardware co-otimizada, que oferece criptografia em qualquer lugar e escalabilidade vertical.

Como parte desse esforço, anunciamos novas e futuras ofertas híbridas para o IBM Z, o Power Systems e o Storage, que dão ainda mais flexibilidade aos nossos clientes na hora de escolherem o melhor lugar para implementar aplicações na nuvem híbrida, inclusive:

  • Red Hat OpenShift Container Platform: permite que novas aplicações nativas em nuvem sejam desenvolvidas e aplicações existentes sejam modernizadas com velocidade e flexibilidade para responderem às mudanças em um mundo multicloud. Essas aplicações podem aproveitar as qualidades corporativas do IBM Z, IBM LinuxONE e IBM Power, como o aumento de desempenho por meio da colocalização com dados principais. E a opção de serviços de dados corporativos para nuvem híbrida está disponível com o IBM Storage e o Red Hat OpenShift Container Storage.
  • IBM Cloud Pak for Applications: tempos de execução Red Hat e IBM que ajudam a modernizar aplicações existentes e a desenvolver novas aplicações nativas em nuvem com mais rapidez para IBM Z e Power Systems.
  • IBM Cloud Pak for Data: permite às organizações integrar a IA em todo o negócio com uma plataforma de dados totalmente integrados e IA, que moderniza a forma como os dados são coletados, organizados e analisados. Já disponível para o IBM Power Systems e com previsão de lançamento em novembro para o IBM Z.
  • IBM Cloud Pak for Integration: ajuda os clientes a promoverem a transformação digital, conectando aplicações e dados com eficiência no IBM Z.
  • IBM Cloud Pak for Multicloud Management: fornece visibilidade, automação e controle consistentes na multicloud híbrida para IBM Z e Power Systems.

Além disso, anunciamos os novos recursos do Red Hat OpenShift e o suporte para o IBM Storage. Alguns dos aprimoramentos incluem o suporte expandido do IBM Storage Suite para IBM Cloud Paks para acesso a dados nativos de container no OpenShift e no CoreOS com IBM Spectrum Scale. Além disso, o IBM Cloud Object Storage inclui suporte para a interface de armazenamento de arquivo-para-objeto s3fs do Open Source empacotada com o Red Hat OpenShift.

Por mais de 20 anos, a IBM tem trabalhado em estreita colaboração com a Red Hat para levar a portabilidade de aplicações para clientes em cada grande reinvenção tecnológica, de Java a Linux, impulsionados por nossos valores compartilhados a fim de fornecer uma plataforma corporativa flexível, aberta, híbrida e segura para cargas de trabalho de missão crítica. Juntos, focamos em oferecer inovação de nuvem híbrida e diferenciação para clientes do mundo todo.

Ao trabalhar com a Red Hat para maximizar o valor do Red Hat OpenShift em nossas plataformas, estamos redefinindo como as organizações criam e oferecem valor, trabalham, competem e fazem transações, tudo isso apoiado pelos pontos fortes do portfólio de infraestrutura de TI da IBM: conhecimento da indústria em processos de negócios críticos; segurança, conformidade e controle comprovados; capacidade de construir e executar em qualquer lugar de modo consistente; ajuda aos clientes para automatizar, prever e modernizar fluxos de trabalho e alavancar inovações mundiais, da computação confidencial à inovação de segurança de ponta e muito mais. Tudo isso são atributos essenciais e críticos para o sucesso na era da nuvem híbrida.

Este é o próximo passo da nossa jornada para aproveitar recursos exclusivos e ajudar nossos clientes a perceberem o potencial do modelo de negócios de nuvem híbrida para seus trabalhos mais importantes.

Para obter mais informações, junte-se à mesa redonda, composta por palestrantes da Forrester, IBM e Red Hat, sobre negócios e oportunidades de mercado de infraestrutura de TI para nuvem híbrida. Para assistir agora, clique aqui.