5 mitos sobre o IBM Power Systems: o Power não tem estratégia de nuvem

By | 5 minute read | 02/09/2020

Há muitos equívocos em relação ao IBM Power Systems no mercado atualmente, e esta série de posts trata de desmentir alguns dos princi­­pais mitos.

“O Power Systems não tem estratégia de nuvem” é um mito popular e um ótimo ponto de partida.

Por que a confusão?

A nuvem pública tem atraído mais atenção do setor do que as soluções de nuvem privada e híbrida nos últimos anos. Quando as pessoas ouvem a palavra “nuvem”, geralmente pensam em soluções de nuvem “pública”, como a AWS, o Microsoft Azure e o Google. Talvez esse seja um dos motivos pelos quais as pessoas tenham pensado equivocadamente que o IBM Power Systems não tem uma estratégia de nuvem. Mas as nuvens públicas nunca foram e nunca serão a única e real solução de nuvem.

Considerando uma pesquisa de opinião recente da RightScale (em inglês), uma provedora líder de software de gerenciamento de nuvem:

  • 81% das empresas entrevistadas estão buscando uma estratégia de multicloud.
  • As organizações entrevistadas usam uma média de 4,8 nuvens.

Muitos dos nossos concorrentes começaram seus negócios de nuvem concentrados nas ofertas de nuvem pública. A IBM não. Quando a IBM SmartCloud foi introduzida em 2011, ele passou a oferecer um nível corporativo de tecnologias de computação em nuvem para a criação de soluções de nuvem pública, privada e híbrida. Essa abordagem forneceu à IBM a flexibilidade de adaptar-se às rápidas mudanças do mercado e de desenvolver a oferta IBM Cloud que temos hoje, combinando os melhores recursos das nuvens públicas e privadas.

Nunca houve a intenção de considerar o Power Systems na nuvem como uma estratégia ou uma oferta independente. Ele sempre fez parte de uma estrutura estratégica mais ampla com diversos recursos de implementação. Nessa estrutura há estratégias bastante sólidas para todas as ofertas de nuvem da IBM.

IBM Power Systems na nuvem

Há muitos anos a IBM tem implementado, refinado e aprimorado sua estratégia de nuvem do Power Systems. Há ofertas e soluções de nuvem do Power Systems que nós vendemos, que outras empresas vendem e que usamos internamente para administrar nossos próprios negócios.

Soluções de nuvem do IBM Power Systems que oferecemos hoje

  • IBM Cloud Private (ICP), com os principais componentes que são executados no Power Systems
  • Serviços gerenciados de nuvem da IBM para aplicações SAP e Oracle, executados por cerca de 180 empresas no mundo todo
  • POWER9 na nossa IBM Cloud (pública)
  • SAP HANA no POWER9
  • Soluções IBM Cloud (pública) e/ou IBM Cloud Private
  • Oferta baseada em container da IBM Cloud Private Kubernetes para Hyperledger Fabric e Blockchain com base no Power Systems

Soluções de nuvem do IBM Power Systems fornecidas por outras empresas

A comunidade de provedores de serviços de nuvem (CSP ou cloud service provider) e provedores de serviços gerenciados (MSP ou managed service provider) oferece outro exemplo de estratégia de nuvem do Power Systems. Veja alguns exemplos a seguir:

  • Ofertas de nuvem baseadas no Linux no IBM Power Systems de empresas como a Tencent, a Nimbix, a Cirrascale e a Rackspace
  • Suporte para RedHat OpenShift e OpenStack para o IBM Power Systems e a IBM Cloud Private
  • Ofertas de nuvem baseadas em AIX no IBM Power Systems da SkyTap, da LPARBOX e da Connectria
  • SAP HANA nas soluções do IBM Power Systems oferecidas por mais de 30 provedores de nuvem

As soluções de nuvem do IBM Power Systems que usamos internamente

Mais de 750 aplicações internas da IBM são baseadas nas nossas tecnologias AIX e Linux no Power Systems. São soluções no local implementadas de muitas formas e executando alguns dos nossos negócios mais importantes.

Os clientes são a afirmação final de uma estratégia

As histórias de clientes oferecem uma demonstração fundamental de como o IBM Power Systems está sendo usado em nuvens públicas, privadas e híbridas.

A Cipher Health migrou de um ambiente de nuvem pública para a nuvem privada baseada no IBM Power Systems, que entregou cinco vezes mais recursos do que a infraestrutura anterior, hospedada na nuvem, por metade de preço.

A Nimbix, uma provedora de supercomputadores de nuvem, elevou sua plataforma de nuvem de HPC a outro nível com o IBM POWER9.

A CGD France criou uma aplicação de nuvem híbrida inovadora usando a tecnologia de machine learning da IBM e o IBM Power Systems.

Resumo

O mito de que o Power Systems não tem estratégia de nuvem é apenas isso: um mito, que esperamos que a longa lista de exemplos acima tenha comprovado. O Power Systems está enraizado na estrutura estratégica da IBM que nos ajuda a fornecer tecnologias para desenvolver as soluções de nuvem pública, privada e híbrida que nossos clientes precisam.

Quando a estratégia “cloud first” chegou ao mercado, a nuvem pública foi percebida como a única possibilidade para a computação em nuvem, e as empresas adotaram rapidamente esses ambientes, de maneira precipitada. Mas nos últimos anos, muitas empresas têm migrado as cargas de trabalho novamente dos locais para ambientes de nuvem privada. Alguns descrevem isso como uma repatriação da nuvem, enquanto outros descrevem simplesmente como a evolução natural no paradigma da computação em nuvem.

Independentemente dos rótulos, esse fato comprova a exigência de ambientes multicloud, híbridos e robustos. O fato também demonstra que hoje as empresas entendem que um ambiente de uma única nuvem, e em muitos casos uma arquitetura de uma única plataforma, não será suficiente para administrar os negócios. De acordo com os dados da IDC, 80% dos negócios relataram que migraram parte das aplicações de uma nuvem pública para uma nuvem privada ou para um ambiente local. A IBM Cloud, a IBM Cloud Private e o IBM Power Systems oferecem uma opção atraente.

Quer aproveitar os benefícios de agilidade, flexibilidade e eficiência da nuvem? Entre em contato com o especialista da IBM para tirar dúvidas sobre como criar um ambiente multicloud no IBM Power Systems.