2021

IBM lança novas unidades de fita LTO-9 com mais densidade, desempenho e resiliência

Compartilhe:

À medida que a geração de dados continua a se expandir ao redor do mundo, alguns pesquisadores sugerem que haverá uma duplicação do “universo digital” para mais de 180 zettabytes até 2025. Nesse contexto, os administradores responsáveis ​​pelo armazenamento, gerenciamento e segurança de dados estão cada vez mais sob pressão.

Para ajudar as empresas a enfrentar o desafio, a IBM, que vem inovando em armazenamento de dados há sete décadas, anunciou que vai disponibilizar as primeiras unidades e fitas magnéticas da indústria que podem armazenar a quantidade sem precedentes de 45 TB de dados compactados em um único cartucho (18 TB descompactado). A nova unidade e fita são baseadas na nova especificação Ultrium LTO-9 e são projetadas para fornecer às organizações maior acesso, desempenho e resiliência para dados armazenados localmente, na nuvem ou edge.

Além de ter 50% mais capacidade que seu antecessor, o LTO-8, que suporta 12 TB de dados (30 TB compactados), o novo IBM LTO-9 Tape Drive — que vem em três modelos, o F9C (Fibre Channel), F9S (Fibre Channel) e S9C (SAS) — apresenta várias melhorias de desempenho importantes em relação ao LTO-8. Por exemplo, as novas unidades suportam velocidades de transferência de dados de até 400 MB/s1 para cartuchos de altura total e 300 MB/s para cartuchos de meia altura, um aumento de 11% em relação à geração anterior.

Os novos drives também apresentam o Open Recommended Access Order (oRAO) da IBM, um novo acelerador de recuperação de dados que permite que os aplicativos recuperem dados de fitas com um tempo de pesquisa muito mais curto entre os arquivos. Especificamente, o oRAO, que pode ser usado com dados compactados ou descompactados, pode reduzir o tempo de acesso em até 73%2. Desenvolvido com a tecnologia de aceleração de acesso a arquivos da IBM, o oRAO também pode acelerar os tempos de resposta da resiliência cibernética, reduzindo o tempo necessário para recuperar os dados.

Resiliência para ataques cibernéticos

A unidade de fita IBM LTO-9 de altura total é projetada para oferecer suporte nativo à criptografia de dados, com criptografia de hardware no core e recursos de descriptografia residentes na própria unidade de fita para garantir a privacidade dos dados e reduzir o risco de corrupção de dados por vírus ou sabotagem.

De acordo com um relatório de segurança recente, de 2020 a 2021, o custo total médio de uma filtração de dados aumentou quase 10% ano a ano globalmente — a maior alta anual de custo nos últimos dezessete anos. Hoje, o ransomware é um dos tipos de violação mais caros, com um custo médio de $ 4,62 milhões por violação³, e um dos mais comuns. Por sua vez, a empresa especializada em segurança cibernética SonicWall informa que os ataques de ransomware aumentaram para 304,6 milhões em 2020, 62% a mais do que em 2019.

Em outras palavras, o ransomware veio para ficar no futuro próximo. Não se trata mais de sua organização ser atacada, mas de quando e com que frequência. Com o objetivo de limitar o impacto de ataques cibernéticos, as novas fitas e drives IBM LTO-9 permitem que as organizações criem estratégias de resiliência cibernética econômicas.

Backup de dados econômico

Os backups em fita permitem que você se recupere com segurança de um ataque de ransomware, ajudando a evitar resgates caros e outros custos. As soluções de fita da IBM também oferecem um excelente custo/benefício, custando menos de 1 centavo por GB por mês, exatamente 0,59 centavos de dólar/GB, ou seja, US$ 5,89/TB⁴. Além disso, ao implementar fitas e unidades IBM LTO-9, as empresas podem armazenar até 1,04EB de dados compactados por biblioteca de fitas de 18 quadros e até 39PB de dados compactados em uma biblioteca de fitas de 10 pés quadrados com cartuchos de fita LTO Ultrium 9.

Ainda, os clientes podem reduzir o custo total de propriedade de sua biblioteca de fitas em até 39%, mudando de LTO-8 para LTO-9⁵. E lembre-se, a tecnologia de fita não adiciona taxas adicionais para recuperar seus dados.

A melhor separação física entre seus dados e os cibercriminosos

A maioria das organizações tem um plano de recuperação cibernética baseado em backups de dados. A prática recomendada nessa situação é criar um “espaço de ar” físico para garantir que o backup vá para um sistema offline seguro. Usar o armazenamento em fita é a maneira ideal de fornecer aos clientes esse espaço físico. As fitas são portáteis e podem ser facilmente colocadas em locais remotos offline para uma proteção superior contra ameaças naturais ou feitas pelo homem. Quando o novo IBM LTO Ultrium 9 Data Cartridge é removido da unidade de fita ou biblioteca, ele é fisicamente “separado”, reduzindo muito o risco de sabotagem cibernética.

Anticorrupção: a fita fornece imutabilidade de dados com recursos WORM

O modelo de cartucho de dados IBM LTO-9 Ultrium WORM armazena dados em um formato que não pode ser apagado ou regravado, para evitar a substituição e reduzir o risco de perda de dados devido a erro humano.

Ao avaliar os planos de segurança cibernética de 10 anos, o IBM Tape Storage deve ser considerado para manter os dados críticos em backup, imutáveis ​​com cartuchos de dados WORM e criptografados por separação física para evitar ameaças. No caso de um ataque e todo o seu armazenamento precisar ser restaurado, uma cópia limpa de seus dados na tecnologia de fita IBM LTO-9 provavelmente será a opção de recuperação mais econômica e confiável, sem ter que pagar taxas extras a um provedor de nuvem.

Além de ajudar na proteção contra malware ou ransomware, os recursos WORM são frequentemente essenciais para a conformidade normativa e legal em vários setores, bem como para empresas de capital aberto. Com a imutabilidade dos cartuchos de dados LTO-9 WORM, os clientes têm a garantia de que seus dados estarão sempre disponíveis para auditorias, análises de conformidade legal e financeira.

Saiba como as soluções de armazenamento em fita da IBM oferecem a solução econômica para sua resiliência cibernética e armazenamento moderno de proteção de dados aqui.

Linear Tape-Open, LTO, o logotipo LTO, Ultrium e o logotipo Ultrium são marcas registradas da Hewlett Packard Enterprise, International Business Machines Corporation e Quantum Corporation nos Estados Unidos da América e em outros países.

[1] IBM, Miyamura et al., IBM LTO-9 Tape Drive Full Height Model Performance White Paper, October 2020

[2] Com base em testes internos da IBM de conjuntos de dados de usuário semelhantes, nem todos os usuários verão esses níveis de melhorias de desempenho, pois a otimização varia com base no número de segmentos recuperados. Fonte: Tsuyoshi Miyamura e Osamu Matsumiya, IBM LTO-9 Tape Drive RAO Performance Position Paper, maio de 2021.

[3] The Ponemon Institute, The Cost of a Data Breach Report 2021, julho 2021.

[4] 2021, Análise IBM para armazenamento em fita 1 EB com 96 unidades com tecnologia LTO-8 em compactação 2: 1, excluindo arquivo de espectro ou Black Pearl. Valores expressos na moeda dos EUA.

[5] Análise da IBM comparando o TCO de 3 anos da nova biblioteca 200PB com 18 unidades LTO-8 com a nova biblioteca 200PB com 18 unidades LTO-9.

Comunicação IBM
Juliana Setembro
E-mail: jcayres@br.ibm.com

Assessoria de imprensa IBM
Weber Shandwick
E-mail: ibmbrasil@webershandwick.com

Leia mais sobre
By comunica@br.ibm.com on 19 de outubro de 2021

Automação e Indústria 4.0: como separar os bons sinais dos ruídos com a nuvem híbrida

Integrar a automação nesse contexto requer toda a gama de tecnologias que compõem a Indústria 4.0, desde dispositivos de edge habilitados para IA, que podem coletar informações e analisar no local, até análises avançadas capazes de entender o quadro geral.

Continuar lendo

By comunica@br.ibm.com on 14 de outubro de 2021

IBM apresenta software de inteligência ambiental impulsionado por IA para ajudar as empresas a abordar as metas de sustentabilidade e risco climático

IBM Environmental Intelligence Suite combina dados meteorológicos, climáticos, operacionais e gestão de desempenho ambiental em uma única solução.

Continuar lendo

By comunica@br.ibm.com on 13 de outubro de 2021

A IBM se compromete com a capacitação de 30 milhões de pessoas globalmente até 2030

A empresa anuncia mais de 170 novas alianças e expansões de programas globalmente em mais de 30 países entre Américas, Ásia-Pacífico, Europa, Oriente Médio e África. Na América Latina, a IBM está anunciando alianças com Junior Achievement Americas, Laboratoria e no Brasil com a Prefeitura de Santa Maria (RS).

Continuar lendo