Voltar ao início

Dinheiro mais inteligente

Uns e zeros podem ajudar o mundo a ser mais inteligente em relação a dólares e cêntimos

O dinheiro já quase não muda de mãos


Graças à tecnologia bancária, cada vez menos transacções utilizam dinheiro vivo. Na verdade, o numerário representa apenas 11% do dinheiro em circulação nos E.U.A. O restante "dinheiro" flui digitalmente, do cheque de pagamento do salário para um banco e daí para um retalhista, sendo posteriormente depositado, através da cadeia de fornecimento do retalhista, na conta de outra empresa... recomeçando novamente a viagem.

Isto significa que o nosso dinheiro foi transformado em zeros e uns. É intangível e invisível. É informação. E este é um aspecto fundamental quer do problema que enfrentamos, quer da respectiva solução.

Para tornar o dinheiro mais inteligente, podemos começar por tornar a tecnologia bancária mais inteligente. Ao aplicar capacidade de processamento ímpar para a realização de tarefas de análise avançadas, utilizando tecnologias como computação sequencial e Deep Computing Visualization, podemos transformar o oceano numérico do crédito e do risco em conhecimentos e informações passíveis de acção. Esta tecnologia já está a ser utilizada noutras indústrias que incorporaram sensores na respectiva cadeia de fornecimento. As tecnologias de sensores estão a ser utilizadas para melhorar o desempenho da cadeia de fornecimento (US), a eficiência da rede de cuidados de saúde (US), a administração de cidades (US) e mesmo a supervisão de sistemas naturais, tais como rios (US), através da captura de informações que podem conduzir a uma tomada de decisões mais acertada.

O dinheiro transformou-se em zeros e uns. É intangível e invisível. É informação. E esta questão é um aspecto fundamental quer do problema que enfrentamos, quer da respectiva solução.

Os biliões de transístores já incorporados na economia real estão a começar a fornecer dados anteriormente inimagináveis ao sistema financeiro global, proporcionando novas fontes de informação que ajudam a criar valor e a gerir o risco.

Conseguimos ver o impacto destas informações no surgimento dos bancos inteligentes. Por exemplo, a Operational Riskdata eXchange Association, um consórcio de 52 instituições financeiras líderes no mercado, utiliza dados anónimos para melhorar a modelagem estatística, quantificar de forma mais precisa a exposição ao risco e responder às necessidades de conformidade regulamentar. Vislumbramos também a transformação de mercados globais completos pela inteligência. Tenhamos em consideração o mercado cambial, o mercado único mais amplo a nível mundial. O risco de liquidação intradiária de mais de 2 biliões de dólares americanos por dia, que corresponde a mais de 60% das transacções cambiais, foi reduzido a zero.

Este novo tipo de sistemas de alta velocidade, alta segurança e elevada transparência é a forma como uma tecnologia bancária mais inteligente pode conduzir a dinheiro mais inteligente.


 

50%.
Percentagem de clientes que darão ao
seu banco apenas duas oportunidades para falhar
antes de considerarem mudar de banco.
25 mil milhões.
Os sistemas de negociação
globais estão sujeitos a grande pressão
ao processarem milhares de milhões de mensagens
de dados de mercado todos os dias.

 

A percentagem de inquiridos que prevêem alterações regulamentares
nos próximos cinco anos. Requisitos de transparência - 31%, Requisitos de capital - 22%, Harmonização global - 13%, Segurança - 11%, Regulamentação da reforma - 11%, Conflitos de interesses - 7%, Alteração climática - 4%, Outros - 2%. Inquérito IBM sobre os mercados financeiros, 2009.

Caminhar no sentido da transparência e sustentabilidade: Construir uma nova ordem financeira

De que forma irá o sector dos mercados financeiros realizar dinheiro no futuro? A crise financeira actual expôs os problemas da criação e exploração de "espaços opacos" no sistema. Para que o sector possa proporcionar retornos sustentáveis, terá de abraçar a mudança. Será necessário começar a trabalhar com reguladores no sentido de criar um sistema financeiro estável, permitindo simultaneamente uma inovação saudável. As empresas individuais terão também de se especializar e aprender a cumprir as promessas da respectiva marca.

Video not available.