Voltar ao início

Notícias

Comissão Europeia premeia IBM pela eficiência energética dos seus Data Centers

Lisboa, 6 de janeiro de 2012

A IBM acabou de anunciar que a Comissão Europeia premiou 27 dos seus centros de dados pela sua eficiência energética, com base no Código de Conduta da União Europeia sobre Centros de Dados. Trata-se da maior distinção alguma vez recebida por uma empresa, dado o número de centros galardoados.

Portugal ocupa um dos lugares cimeiros da lista dos Data Centers IBM premiados, com os seus quatro centros IBM distinguidos.

Os restantes centros estão localizados em países como Dinamarca, Itália, Bélgica, Áustria, Finlândia, Alemanha, França, Espanha, Reino Unido, Holanda, Noruega, Suécia, Polónia e Hungria.

O Código de Conduta da UE foi criado como resposta ao aumento do consumo de energia dos centros de dados. A UE tem como objetivo informar e incentivar os operadores e proprietários dos centros de dados a reduzir o consumo de energia, numa relação custo-benefício. A avaliação realizada tem por base o indicador Power Usage Effectiveness (PUE), que mede a eficiência dos computadores. Em maio de 2011, o Instituto Uptime atribuiu aos Centros de Dados IBM uma pontuação de 1,65 de consumo médio de energia, abaixo do consumo médio do setor que se situava em 1,8.

Os 27 Green Data Centers IBM premiados representam 70% dos data centers da estratégia de outsourcing da IBM em 15 países europeus. Muitos destes centros também foram projetados para suportar a computação em nuvem, num esforço para ajudar clientes em todo o mundo a operarem de forma mais inteligente. As melhorias de energia implementadas nestes centros de dados IBM permitiram atingir a meta estabelecida em 2007 em duplicar a capacidade de TI dos centros de dados, num período de três anos, sem aumentar o consumo de energia.

Para garantir a eficiência energética, a IBM utiliza a sua própria tecnologia Mobile Measurement Technology (MMT), que inclui, entre outros, software de Analítica e milhares de sensores, para registrar e analisar as temperaturas e o fluxo de ar, de forma a detetar pontos quentes e frios, e substituiu velhos equipamentos por servidores mais eficientes energeticamente.

"Os centros de dados sempre foram uma parte essencial do património da IBM e representam uma parte significativa dos custos e da utilização de energia", frisou Harry van Dorenmalen, Presidente da IBM Europa. "O reconhecimento do nosso compromisso e liderança pelo Código de Conduta da UE é importante para nós já que a energia e as questões relacionadas com o clima são parte do longo compromisso corporativo da IBM para com o ambiente. Tendo por base a nossa iniciativa ‘Planeta Mais Inteligente’ podemos reduzir substancialmente o consumo de energia na nossa sociedade".

Para mais informações por favor visite www.ibm.com/services/siteandfacilities.

Para esclarecimentos adicionais por favor contacte

Catarina Cristão
Media Relations
SYS Projects


Tel.: (+351) 218 927 513

Artur Rodrigues
Comunicações Externas e Relações Institucionais
IBM Portugal


Tel.: (+351) 218 927 798

Navegação pelos conteúdos

Links relacionados

Links relacionados (US)