IBM Lotus Server.Load: As novas cargas de trabalho do IBM Lotus Sametime

Configure e use o IBM Lotus Server. Carregue a ferramenta de geração de carga de trabalho, que inclui novas cargas de trabalho de mensagem instantânea do IBM Lotus Sametime, ST70IM e ST75IM, e a carga de trabalho do Sametime Initialization. Mostraremos como usar essas cargas de trabalho para otimizar seu desempenho na implementação do Lotus Sametime.

Joe Malek, Software Engineer, EMC

Joe Malek é um desenvolvedor da equipe IBM Domino Performance. Seu foco atual envolve o desenvolvimento de ferramentas de desempenho para a equipe Domino Performance, trabalhando em várias plataformas como Microsoft .Net, Linux, IBM AIX e Sun Solaris. Joe se juntou a Iris Associates/Lotus em outubro de 2000.



Razeyah Stephen, Manager, WSO2 Inc

Razeyah Stephen é gerente da equipe de desempenho do IBM Lotus Domino e IBM Lotus Sametime. Ela passou a fazer parte da Iris Associates em outubro de 1998.



20/Ago/2010 (Primeira publicação 20/Ago/2010)

A colaboração em tempo real se tornou um componente vital do negócio on demand, e o IBM Lotus Sametime se tornou rapidamente um componente importante de muitos ambientes do IBM Lotus Notes/Domino. Para garantir que esses ambientes sejam planejados e configurados de forma ideal, os administradores precisam simular comunidades do Sametime e determinar os requisitos de dimensionamento de hardware e software. O IBM Lotus Server.Load, a ferramenta de geração de carga de trabalho, inclui novas cargas de trabalho de mensagem instantânea do Sametime, carga de trabalho do ST70IM e carga de trabalho do ST75IM, que ajudam a preencher essa necessidade.

O Lotus Server.Load também inclui a carga de trabalho do Sametime Initialization usada para configurar o servidor de teste para as outras cargas de trabalho do Sametime, preenchendo a lista de contatos. Este artigo descreve como usar a carga de trabalho do Sametime Initialization e explica as diferenças entre as cargas de trabalho do ST70IM e ST75IM. Mais informações sobre as cargas de trabalho do Lotus Sametime estão incluídas na ajuda do Lotus Domino Administrator.

Plano de fundo

O Lotus Server.Load é uma ferramenta de geração de carga baseada em recurso, que mede e caracteriza várias métricas de capacidade e resposta do servidor Domino. As cargas de trabalho (também chamadas de testes ou scripts) simulam o comportamento das operações do cliente para o servidor Domino. Para obter uma visão geral do Lotus Server.Load, consulte o artigo sobre Lotus do developerWorks "Introduction to Domino performance tuning." É possível instalar o Lotus Server.Load ao instalar o IBM Lotus Domino Administrator 7. Se você não está familiarizado com o Lotus Server.Load, faça uma revisão da documentação para entender como o Lotus Server.Load afeta seus servidores, clientes e outros componentes do Notes/Domino. A documentação do Lotus Server.Load está incluída na Ajuda do Lotus Domino Administrator.

OBSERVAÇÃO: Você deve usar a versão do Lotus Server.Load que vem junto com o cliente Lotus Domino Administrator.

Pré-requisitos

Este artigo supõe que você seja um administrador experiente do Domino e esteja familiarizado com os recursos e a terminologia de mensagem instantânea do Lotus Sametime.

As cargas de trabalho do Sametime Initialization, ST70IM e ST75IM usam Java e requerem pelo menos 1 GB de memória RAM. Para obter mais informações sobre as novas cargas de trabalho, parâmetros e exemplos do Sametime, consulte as notas sobre o release do Lotus Notes/Domino 7.0.2.

Entendimento das cargas de trabalho

Tanto a carga de trabalho do ST70IM quanto a do ST75IM simulam atividades típicas de mensagem instantânea. A carga de trabalho do ST70IM possui um conjunto de atividades mais simples, simulando um usuário usando recursos básicos relacionados a bate-papo, comuns aos releases anteriores ao release 7.5. A carga de trabalho do ST75IM simula recursos cliente no release 7.5 e anteriores. Um usuário simulado típico executa o script uma vez a cada 15 minutos, o que é uma iteração.

A carga de trabalho do ST70IM representa um usuário ativo de mensagem instantânea efetuando login, batendo papo com outro usuário e trocando aproximadamente cinco mensagens de aproximadamente 512 bytes, com 30 segundos entre cada mensagem. A carga de trabalho adiciona então um usuário à lista de Contatos a cada 24 iterações, e a cada 12 iterações, ele efetua o logout e aguarda aproximadamente 10 minutos antes de efetuar o login novamente. Os valores especificados de iteração são configuráveis, e os valores especificados aqui são somente para fins de exemplo.

Quando o usuário da carga de trabalho do ST75IM efetua login, a política do Sametime do usuário é recuperada, o local do usuário é definido, o local de cada membro da lista de contatos é monitorado em relação ao conhecimento do local (habilitado por padrão). A carga de trabalho representa um usuário ativo de mensagem instantânea efetuando login, batendo papo com outro usuário no modo rich text, trocando cerca de cinco mensagens de aproximadamente 512 bytes, com 30 segundos entre cada mensagem. Uma opção é habilitar a transferência de arquivos. A carga de trabalho adiciona então um usuário à lista de Contatos a cada 24 iterações, e a cada 12 iterações, ele efetua o logout e aguarda aproximadamente 10 minutos antes de efetuar o login novamente.


Introdução

Com o servidor Lotus Domino/Sametime configurado e o Lotus Server.Load instalado no driver cliente, é possível inicializar as cargas de trabalho do Sametime. A próxima seção descreve como fazer isso. A carga de trabalho do Sametime Initialization é executada como primeira etapa do processo. Isso é necessário para o preenchimento adequado das listas de Contatos do Sametime.

Configuração do servidor Lotus Domino/Sametime

Instale o Lotus Sametime no servidor Domino, seguindo as instruções na documentação do Lotus Sametime. Depois de instalar o servidor do Sametime, verifique se a tarefa do Sametime está sendo executada no servidor Domino.

OBSERVAÇÃO: É possível configurar o Lotus Sametime no mesmo servidor que o seu servidor de correio do Lotus Domino, mas isso não é recomendado para sistemas Lotus Domino/Sametime que são usados excessivamente.


Criação de documentos da pessoa usando o agente Create NotesBench Person Documents

Usando o IBM Lotus Domino Designer, copie o agente Create NotesBench Person Documents para o banco de dados Agentes de Configuração do Server.Load na visualização Agents (Agentes) do diretório Domino do servidor de teste. Consulte o documento "Uso deste Banco de Dados" do banco de dados Agentes de Configuração do Server.Load para obter mais informações sobre esses agentes.

Depois de copiar o agente, abra o diretório Domino no servidor de teste e execute o agente. Além de criar documentos da pessoa, esse agente define a senha HTTP usada para autenticação no Sametime. Verifique se o endereço na Internet do servidor está correto na caixa de diálogo Nome do Host da Internet e aceite as configurações padrão do agente, exceto como indicado na tabela 1.

Tabela 1. Exceções das configurações padrão
Variável do scriptValor
Número de usuários a serem criadosO padrão é 1.000. Define este para o número total de usuários de teste do Sametime que deseja criar.

Agora você está pronto para preencher as listas de Contatos do Sametime, usando a carga de trabalho do Sametime Initialization.


Configuração da carga de trabalho do Sametime Initialization

Antes de configurar a carga de trabalho do ST70IM ou ST75IM, é preciso configurar a carga de trabalho do Sametime Initialization. Para fazer isso, primeiro é preciso instalar e configurar o cliente Lotus Domino Administrator com a opção Lotus Server.Load selecionada. Depois de concluída a instalação, é preciso atualizar o arquivo Notes.ini.

Defina as variáveis do Notes.ini para conhecimento do Sametime no driver cliente

Copie o conjunto de variáveis da listagem 1 para o arquivo Notes.ini do driver cliente da carga de trabalho e customize os valores em negrito para o seu ambiente. A limitação atual da carga de trabalho é que o preenchimento total é dividido em partes de usuários N (1.000 nos exemplos abaixo), e o ST.BL.beginuser.number e o ST.BL.enduser.number variam de acordo com cada driver cliente (1 a 1.000, 1.001 a 2.000, e assim por diante). Isso é usado pelas cargas de trabalho do ST70IM e ST75IM para manter a lista de usuários interna disponível para bate-papo.

Listagem 1. Variáveis de carga de trabalho do Sametime
;variáveis Sametime/Awareness
;
NB_EnableSTAwareness=1
;parâmetros JNI/java
NB_ThreadStackSize=60000
JavaMaxHeapSize=400M
JavaUserClasses=CstClientTest.jar;stjavatk.jar;jvm/lib/ext/ibmjceprovider.jar
;parâmetros do servidor ST
;Exemplo: Servername.us.ibm.com
ST.server=<servername>
;Exemplo: correio
ST.user=<username prefix>
ST.password=NotesBench
;parâmetros de login
;Use para simular um MUX acionando o servidor, desempenha melhor
;ST.login.type=MUX
;Use para simular um cliente direto sem MUX no meio
ST.login.type=JAVA
;parâmetros de logout
ST.logout.pause.wait=RND(300d4)
;parâmetros BL
ST.bl.size.quan=RND(4d100)
;Exemplo: 1
ST.bl.beginuser.number=<number>
;Exemplo: 500
ST.bl.enduser.number=<number>
;Parâmetros de bate-papo
ST.converse.pause.wait=RND(10d6)
ST.converse.nummessages.quan=RND(1d10)
ST.converse.messagelength.quan=RND(8d128)
;Parâmetros de controle de teste/script
ST.test.maxusers=10000
ContextIteration1=3
ContextIteration2=24
ContextIteration3=12
NB_Include_ST_Stats=1
;
; variáveis do General NotesBench 
;
Domain=<domínio do servidor>
ResultsDirectory=<unidade local ou compartilhamento de rede para testdata>
Debug_outfile=<arquivo de saída de depuração de carga de trabalho>
RunTime=<duração do teste inteiro>
ScriptIterationLimit=<número total de iterações de script, 9.999 ~= infinito>

Execução da carga de trabalho do Sametime Initialization para preenchimento das listas de Contatos para os usuários de teste

Para executar a carga de trabalho do Sametime Initialization, realize as etapas a seguir:

  1. Abra o Lotus Server.Load.
  2. Na caixa de diálogo do Lotus Server.Load, selecione Sametime Initialization da lista incorporada de cargas de trabalho.
  3. Digite o número de usuários simulados do Sametime no campo "Max No. of Users" para os quais criar entradas de lista de contatos. Use o padrão para todas as outras configurações. Não há configurações necessárias na guia Script Variables.
  4. Clique no botão Execute e depois clique no botão Start Test para iniciar a carga de trabalho do Sametime Initialization. Isso preenche o banco de dados vpuserinfo.nsf database no servidor do Sametime com as informações de lista de Contatos necessárias para o recurso Sametime Awareness usado nas cargas de trabalho do ST70IM e ST75IM.

DICA: Salve uma cópia do banco de dados vpuserinfo.nsf.


Configuração da carga de trabalho do ST70IM ou ST75IM

Depois de configurar e executar a carga de trabalho do Sametime Initialization, configure a carga de trabalho do ST70IM ou ST75IM, realizando as seguintes etapas:

  1. Na caixa de diálogo do Lotus Server.Load, selecione Sametime 7.0 IM Workload ou Sametime 7.5 IM Workload no menu Select Script (veja a figura 1).
    Figura 1. Caixa de diálogo do Lotus Server.Load
    Lotus Server.Load dialog box
  2. No campo "Number of Users/Threads", digite o número de usuários de teste simulados do Sametime. Este é um campo obrigatório.
  3. Digite um valor no campo Script Loop Count para especificar o número de vezes de repetição do script (loops).
  4. A seção Run Time Parameters contém informações (por exemplo, intervalo de criação de linha) que afetam o modo como a carga de trabalho é executada. Preencha esses campos conforme necessário.
  5. O campo "Storage test output to" especifica o caminho para armazenar o log de saída de teste, por exemplo, \tmp\Test1.txt. Insira um caminho de arquivo no campo.
  6. Deixe os outros valores definidos como padrão para a primeira execução de teste. (Consulte a documentação do Lotus Server.Load na Ajuda do Domino Administrator para obter detalhes sobre esses campos.)
  7. Depois de preencher esses campos, clique em Execute para exibir a janela Metrics (veja a figura 2). Cada métrica de comando do Lotus Sametime abaixo mostra os tempos de resposta por minuto mínimo, máximo e médio em milissegundos e o número total de comandos emitidos por minuto.
    Figura 2. Janela Metrics
    Metrics window

Se desejar dar saída aos dados de métricas para um arquivo de teste, insira um caminho de arquivo com uma extensão .CSV no campo "Store the Metrics to this File" . Depois de ter inserido as configurações, clique no botão Start Test.


Visualização dos resultados de teste

Se você configurar a carga de trabalho do Sametime corretamente, a janela de saída de script aparecerá (veja a figura 3), seguida pela janela Sametime Statistics (veja a figura 4). Verifique se não aparecem erros (ou seja, texto que inclui o erro de palavra) na janela de saída.

Figura 3. Monitor de Saída
Output Monitor

Também é possível verificar se há erros na janela Sametime Statistics (veja a figura 4). Esta janela mantém o controle das atividades (em formato resumido), enquanto o Lotus Server.Load executa a carga de trabalho. Para verificar se há erros, procure pelos valores de exibição LoginErr, ChatErr, BuddyListErr, ResolveErr, UserInfoErr, PolicyErr, LocationErr e FTransErr. Se você definir DEBUG_OUTFILE=filename no Notes.ini, o Lotus Server.Load grava os dados da janela Sametime Statistics no arquivo especificado.

Figura 4. Janela Sametime Statistics
Sametime Statistics window

A janela Sametime Statistics inclui amostragem por minuto de todos os usuários nesse driver (veja a tabela 2).

Tabela 2. Descrição de valores na janela Sametime Statistics
Valor Descrição
LoginsO número de logins
LogoutsO número de logouts
Chats O número de bate-papos iniciados
Chat missesO número de vezes em que parceiros do bate-papo não foram encontrados
Text SentO número de mensagens somente texto enviadas*
Text ReceivedO número de mensagens somente texto recebidas*
Images SentO número de imagens enviadas*
Images Received O número de imagens recebidas*
Status ChangesO número de mudanças de status
BuddyList ChangesO número de vezes que um novo usuário foi adicionado à lista de contatos
ResolveO número de resoluções de nomes de usuário
AwarenessO número de operações relacionadas a conhecimento (lista de contatos/observação)
Async Status NotificationsO número de notificações de status assíncronas
UserInfo RequestsO número de solicitações de informações do usuário (cartão de visita)*
Policy QueriesO número de políticas consultadas*
Location OpsO número de operações de mudança de local*
Location AsyncO número de notificações de local assíncronas*
FTrans SentO número de transferências de arquivos enviadas*
FTrans RecvdO número de transferências de arquivos recebidas*
FTrans DeclinedO número de transferências de arquivos recusadas*
FTrans MissedO número de transferências de arquivos perdidas*
LoginErrO número de erros de login
ChatErrO número de erros de bate-papo
BuddyListErrO número de erros de operação da lista de contatos
ResolveErrO número de erros de resolução
UserInfoErrO número de erros de solicitação de informações do usuário (cartão de visita)*
PolicyErrO número de erros de consulta de políticas
LocationErr O número de erros de mudança de local*
FTransErrO número de erros de transferência de arquivos*

*Aplica-se somente à carga de trabalho do ST75IM.


Conclusão

Este artigo explicou como configurar e como usar as novas cargas de trabalho de mensagem instantânea do Sametime, ST70IM e ST75IM, que fazem parte do Lotus Server.Load. Ele também abordou as perguntas mais frequentes que encontramos. As cargas de trabalho devem ter um interesse especial para administrador do sistema e planejadores do Lotus Domino/Sametime. Usando as cargas de trabalho para modelar as principais atividades em um ambiente real do Sametime, é possível emular seus requisitos de servidor e planejar de acordo, ajudando a garantir que sua implementação do Sametime ofereça um bom desempenho desde o início.

Recursos

Aprender

Obter produtos e tecnologias

  • Faça o download de uma versão de teste do Lotus Domino a partir do developerWorks.
  • Faça o download de uma versão de teste do Lotus Notes a partir do developerWorks.

Discutir

Comentários

developerWorks: Conecte-se

Los campos obligatorios están marcados con un asterisco (*).


Precisa de um ID IBM?
Esqueceu seu ID IBM?


Esqueceu sua senha?
Alterar sua senha

Ao clicar em Enviar, você concorda com os termos e condições do developerWorks.

 


A primeira vez que você entrar no developerWorks, um perfil é criado para você. Informações no seu perfil (seu nome, país / região, e nome da empresa) é apresentado ao público e vai acompanhar qualquer conteúdo que você postar, a menos que você opte por esconder o nome da empresa. Você pode atualizar sua conta IBM a qualquer momento.

Todas as informações enviadas são seguras.

Elija su nombre para mostrar



Ao se conectar ao developerWorks pela primeira vez, é criado um perfil para você e é necessário selecionar um nome de exibição. O nome de exibição acompanhará o conteúdo que você postar no developerWorks.

Escolha um nome de exibição de 3 - 31 caracteres. Seu nome de exibição deve ser exclusivo na comunidade do developerWorks e não deve ser o seu endereço de email por motivo de privacidade.

Los campos obligatorios están marcados con un asterisco (*).

(Escolha um nome de exibição de 3 - 31 caracteres.)

Ao clicar em Enviar, você concorda com os termos e condições do developerWorks.

 


Todas as informações enviadas são seguras.


static.content.url=http://www.ibm.com/developerworks/js/artrating/
SITE_ID=80
Zone=Lotus
ArticleID=512624
ArticleTitle=IBM Lotus Server.Load: As novas cargas de trabalho do IBM Lotus Sametime
publish-date=08202010