Desenvolvendo seu Primeiro Aplicativo Eclipse RCP

Criar uma rica aplicação cliente está mais fácil do que nunca, graças ao Eclipse V3.1

O objetivo de Eclipse Rich Client Platform (RCP) é possibilitar que o Eclipse seja usado em uma ampla gama de aplicações de usuários finais que não sejam ambientes de desenvolvimento integrados (IDEs). Com o release do Eclipse V3.1, é fácil criar aplicações RCP. Este tutorial irá orientá-lo passo a passo na construção de sua própria aplicação RCP.

Sandy Minocha, WebSphere JumpStart ISV Enablement, IBM Software Group, IBM Toronto Lab

Sandy Minocha trabalha na equipe de IBM Rational ISV Enablement, que trabalha junto a parceiros de negócios chave das ferramentas Rational, fornecendo orientação técnica e suporte à medida que são integradas ao conjunto de produtos Rational. A equipe também executa validações técnicas de plug-ins de parceiros para o programa de parceiro de software Ready for IBM Rational.



26/Mai/2014

Antes de Começar

Este tutorial é para desenvolvedores que gostariam de aprender como usar Eclipse Rich Client Platform (RCP). O Eclipse evolui para tornar-se uma plataforma que pode hospedar uma ampla gama de aplicações que atendem uma ampla variedade de usuários finais. Considere RCP como uma plataforma de integração com a mesma função geral que o Eclipse, mas com um menor uso geral e uma interface com o usuário mais flexível. RCP abre a porta para realizar a gravação de aplicações de desktop na linguagem de programação Java™ .

Sobre este Tutorial

Este tutorial constrói uma aplicação usando Eclipse RCP. A aplicação de exemplo é dividida em quatro seções, cada uma baseada na anterior. Inicia-se criando uma aplicação RCP básica com a ajuda de um dos modelos RCP fornecidos pelo Eclipse. Em seguida, alguma ações são incluída, uma página de preferências, uma visualização e Ajuda para a aplicação RCP básica. Isso é seguido pela determinação da marca e pela transformação da aplicação RCP básica em um produto. A etapa final percorre o empacotamento e a implementação do produto RCP fora do Eclipse.

Pré-requisitos

Este tutorial supões conhecimento básico de programação. Conhecimento sobre a linguagem de programação Java e sobre Eclipse é um adicional, mas não é necessário.

Requisitos do Sistema

As ferramentas a seguir são necessárias para seguir em frente:

Eclipse
Eclipse é a plataforma na qual RCP reside. Faça download do Eclipse V3.1.x a partir de Eclipse.org.
Tecnologia Java
O Eclipse e todos os seus plug-ins precisam da Tecnologia Java. Faça download da tecnologia Java da Sun Microsystems ou da IBM.

Certifique-se de ler a seção de instalação para obter instruções passo-a-passo úteis.


O que é Rich Client Platform?

Originalmente, a plataforma Eclipse foi projetada para funcionar como uma plataforma de ferramentas abertas. No entanto, a partir do Eclipse V3.0, teve sua arquitetura reformulada para que seus componentes pudessem ser usados para construir praticamente qualquer aplicação cliente. O conjunto mínimo de plug-ins necessário para construir uma aplicação rich client é coletivamente conhecido como Rich Client Platform (RCP). Essa aplicações ricas ainda são baseadas em um modelo de plug-in dinâmico e a GUI é construída usando os mesmos kits de ferramentas e pontos de extensão. No entanto, a diferença chave é que o ambiente de trabalho está sob controle de baixa granularidade do desenvolvedor do plug-in com aplicações RCP. Observe que o Eclipse IDE é, por si só, uma aplicação RCP.

O que RCP Requer

Para construir uma aplicação RCP com uma GUI, os plug-ins a seguir e seus pré-requisitos são necessários: org.eclipse.ui e org.eclipse.core.runtime. A partir do Eclipse V3.1.1, o uso de disco combinado para RCP, incluindo os plug-ins acima, startup.jar e o executável eclipse.exe, é aproximadamente 6,6 MB. Agora, as aplicações RCP estão livres para usar qualquer API considerada necessária e podem requerer quaisquer plug-ins acima do mínimo suficiente, como UI da Ajuda e Gerenciador de Atualizações.

O modelo de recurso da área de trabalho fornecido pelo plug-in org.eclipse.core.resources não é considerado parte de RCP. Enquanto esse é o modelo de dados subjacente para o Eclipse IDE, RCP não faz qualquer suposição sobre o modelo de dados subjacente da aplicação que está sendo construída. O modelo de dados poderia ser arquivos no sistema de arquivos local, um banco de dados remoto ou qualquer outra coisa. Se fizer sentido para a aplicação, org.eclipse.core.resources pode ser incluído e usado como o modelo de dados da aplicação, mas isso não é necessário.

O plug-in org.eclipse.ui.ide é colocado como uma camada sobre o ambiente de trabalho genérico (org.eclipse.ui) e define a aplicação para o Eclipse IDE, sobre o qual estão os outros componentes IDE, como Java Development Tools (JDT), Plug-in Development Environment (PDE), Depurador e Suporte a Equipe. O IDE instancia o ambiente de trabalho genérico, configurando-o com itens de menu e da barra de ferramentas específicos do IDE e incluindo visualizações, páginas de preferências e outras extensões específicas do IDE. O IDE usa o modelo de recurso da área de trabalho como seu modelo de dados subjacente. O plug-in org.eclipse.ui.ide e as extensões definidas no mesmo não foram projetadas para serem reutilizadas em outras aplicações RCP.

O tempo de execução do Eclipse define os plug-ins (org.eclipse.osgi e org.eclipse.core.runtime) nos quais todos os outros plug-ins dependem. A estrutura Open Services Gateway Initiative (OSGi) refere-se a plug-ins como pacotes configuráveis. Pacotes configuráveis com a estrutura OSGi especificam e implementam o processo para carregamento de classe Java, gerenciamento de pré-requisitos e o ciclo de vida do pacote configurável. O tempo de execução principal do Eclipse é responsável por localizar e executar a aplicação Eclipse principal e por manter um registro de plug-ins, suas extensões e pontos de extensão. Além disso, o tempo de execução também fornece uma gama de utilitários, como criação de log, opções de rastreio de depuração, um armazenamento de preferências e uma infraestrutura de simultaneidade.


Visão Geral da Aplicação RCP Hello World

Na conclusão da aplicação RCP Hello World, você terá dois plug-ins e três recursos.

Tabela 1. Descrição dos Plug-ins e Recursos da Aplicação RCP Hello World

Plug-in com.ibm.plteDefine a aplicação RCP Define informações de determinação de marca de recursos e do produto
Plug-in com.ibm.plte.uiDefine diversas funções do Eclipse, incluindo ação, preferência, visualização e Ajuda
Recurso com.ibm.plteDefine os plug-ins da aplicação RCP Hello World Define os dois recursos abaixo incluídos
Recurso com.ibm.plte.helpDefine as dependências em plug-ins de Ajuda (total de oito)
Recurso org.eclipse.rcpDefine as dependências de plug-ins RCP

A aplicação RCP Hello World será criada no Eclipse SDK V3.1.1. Ao abrir o ambiente de trabalho do Eclipse, o recurso com.ibm.plte.help já está incluído em sua área de trabalho.

Este tutorial está dividido em quatro seções:

  1. Criar uma aplicação RCP mínima Hello World
    • org.eclipse.core.runtime.applications
  2. Incluir diversas funções do Eclipse na aplicação RCP Hello World
    • org.eclipse.ui.actionSets
    • org.eclipse.help.toc
    • org.eclipse.ui.preferencePages
    • org.eclipse.ui.views
  3. Criar um produto RCP Hello World
    • Determinação de marca do recurso
    • org.eclipse.core.runtime.product
  4. Implementar e executar o produto RCP Hello World fora do Eclipse

Observe que se o intento é construir ferramentas Eclipse que serão integradas a um produto baseado no Eclipse IDE, uma aplicação RCP nem um produto RCP é criado. Um produto baseado no Eclipse IDE já terá definido uma aplicação e um produto. No entanto, ainda é necessário fornecer determinação de marca de recurso para suas ferramentas Eclipse.


O Básico

Etapa 1: Criar uma Aplicação RCP Mínima Hello World

  1. Clique em Ctrl+N para abrir o Novo Assistente.
  2. Selecione Projeto do Plug-in e clique em Avançar.
  3. Insira com.ibm.plte mo campo de texto Nome do Projeto e clique em Avançar.
  4. Responda Sim para a pergunta "Gostaria de criar um aplicativo rich client?" Clique em Avançar.
  5. Selecione o modelo RCP Hello e clique em Concluir.
  6. A caixa de diálogo Abrir Perspectiva Associada pode aparecer. Clique em Sim.

Seu ambiente de trabalho deve ser semelhante ao seguinte:

Figura 1. plugin.xml do Plug-in com.ibm.plte na Perspectiva PDE

O modelo RCP Hello é muito poderoso e executa muitas tarefas nos bastidores. O modelo gera um projeto de plug-in e inclui dois pontos de extensão e seis classes Java. Cada ponto de extensão e classe Java é descrito abaixo.


Tabela 2. Descrição de Artefatos Gerados pelo Modelo RCP Hello

org.eclipse.core.runtime.applicationsEsse ponto de extensão indica ao tempo de execução do Eclipse o nome de seu programa principal e da classe que implementa IPlatformRunnable e o método run() . Na aplicação RCP Hello World, o nome do programa é com.ibm.plte.application e a classe é com.ibm.plte.Application. Observe que como o Eclipse IDE é uma aplicação RCP, também define esse ponto de extensão. No Eclipse IDE, o nome da aplicação é org.eclipse.ui.ide.workbench e a classe é org.eclipse.ui.internal.ide.IDEApplication.
org.eclipse.ui.perspectivesPerspective.javaUma perspectiva é um conjunto de visualizações visíveis, editores e menus que incluem posições e tamanhos. Em uma aplicação RCP, deve-se definir pelo menos uma perspectiva e torná-la padrão. As perspectivas são criadas através da implementação de IPerspectiveFactory usando o nome da classe referido pelo ponto de extensão. A parte importante dessa interface é o método createInitialLayout() , onde visualizações ou editores com os quais gostaria que o usuário iniciasse são posicionados e abertos. Até o momento neste exemplo, não há nenhuma visualização ou editor, de forma que o método está vazio.
PltePlugin.javaEssa classe é referida como a classe de plug-in. Uma classe singleton opcional pode ser usada para armazenar informações globais para o plug-in. Também é um local conveniente para colocar funções estáticas de utilitários usadas por outras classes no plug-in.
Application.javaApplication.java é uma classe que age como a principal rotina da aplicação RCP. É semelhante a uma classe Java com main(). É o controlador da aplicação. Essa classe é responsável por criar um ambiente de trabalho e anexar ApplicationWorkbenchAdvisor.java a ele.O ambiente de trabalho é declaro e mantido como parte da estrutura RCP. Há apenas um ambiente de trabalho, mas ele pode ter mais de uma janela do ambiente de trabalho de nível superior visível. Por exemplo, no Eclipse IDE, ao iniciar o Eclipse pela primeira vez, verá uma janela do ambiente de trabalho, mas se selecionar Janela > Nova Janela, uma segunda janela aparece. Portanto, agora há duas janelas do ambiente de trabalho, mas somente um ambiente de trabalho.
ApplicationWorkbenchWindow.java ApplicationWorkbenchAdvisor.java ApplicationActionBarAdvisor.javaHá três classes orientadoras usadas para configurar todos os aspectos do ambiente de trabalho, como o título, as barras de menu, etc. Essas são as classes mais importantes que um desenvolvedor de RCP deve entender. A versão base da classe é estendida -- por exemplo, WorkbenchAdvisor -- na aplicação RCP e um ou mais métodos são substituídos para configurar as opções desejadas. Consulte a documentação do produto para obter detalhes.

Etapa 2: Executar uma Aplicação RCP Mínima Hello World

Certifique-se de que a página de visão geral do editor com.ibm.plte (plugin.xml) esteja aberta. Clique em Ativar uma Aplicação Eclipse na seção Testes. Sua aplicação RCP mínima Hello World deve ser semelhante ao que é mostrado abaixo.

Figura 2. Aplicação RCP Mínima

Em duas etapas simples, uma aplicação RCP mínima foi criada e executada. Neste ponto, a aplicação RCP contém uma única perspectiva, mas nenhuma outra função do Eclipse (nenhum menu, ação, visualização, página de preferências, manual de Ajuda, etc.). Essas funções serão incluídas à medida que você continuar.

Etapa 3: Incluir Menus e Ações na Aplicação RCP Mínima Hello World

Menus e ações podem ser incluídos de duas maneiras. Aqui, serão incluídos na aplicação RCP de forma programática. Posteriormente, serão incluídos através de pontos de extensão.

Cinco menus são incluídos:

  • Arquivo
  • Janela
  • Ajuda
  • Janela/Abrir Perspectiva
  • Janela/Mostrar Visualização

E seis ações são incluídas:

  • Arquivo/Sair
  • Janela/Abrir Perspectiva/Outro
  • Janela/Mostrar Visualização/Outro
  • Janela/Preferências
  • Ajuda/Conteúdo da Ajuda
  • Ajuda/Sobre

As ações incluídas aqui são ações pré-construídas normalmente incluídas no Eclipse IDE. No entanto, RCP fornece as mesmas para sua conveniência. Para entender como esses menus e ações são definidos, consulte ApplicationActionBarAdvisor.java no projeto do recurso com.ibm.plte.help. Observe que usando a estrutura de ações, é possível contribuir com suas próprias ações. Isso será feito usando os pontos de extensão posteriormente.

Etapas a executar:

  1. Substitua com.ibm.plte.ApplicationActionBarAdvisor.java do plug-in com.ibm.plte por um arquivo com o mesmo nome do projeto do recurso com.ibm.plte.help.
  2. Assegure que tenha fechado a aplicação RCP ativada anteriormente. Volte para a página de visão geral do editor com.ibm.plte (plugin.xml) e clique em Ativar uma Aplicação Eclipse na seção Testes. Sua aplicação RCP deve ter diversos menus.
    Figura 3. Aplicação RCP com Alguns Menus
  3. Clique em Janela > Abrir Perspectiva > Outro. Na caixa de diálogo Selecionar Perspectiva, verá uma perspectiva rotulada Perspectiva Plte (padrão). Essa é a perspectiva criada usando o modelo RCP Hello.
  4. Clique em Janela > Mostrar Visualização > Outro. Deve-se ver uma caixa de diálogo Mostrar Visualização. Isso de deve a você não ter incluído nenhuma visualização na aplicação RCP ainda. Faremos isso na próxima seção.
  5. Clique em Janela > Preferências. Deve-se ver uma caixa de diálogo Preferências vazia. Isso de deve a você não ter incluído nenhuma preferência na aplicação RCP ainda. Faremos isso na próxima seção.
  6. Clique em Ajuda > Sobre. A caixa de diálogo Sobre estará vazia, exceto por três botões. A caixa de diálogo Sobre fornece informações sobre o conjunto de recursos e plug-ins em sua aplicação RCP. Como ainda não incluiu nenhum recurso ainda, a caixa de diálogo esta vazia.
  7. Clique em Detalhes do Plug-in. A caixa de diálogo mostrará a lista completa de plug-ins que fazem parte dessa aplicação RCP. Veremos 10 plug-ins RCP, mais o único plug-in que criamos.
  8. Clique no plug-in com.ibm.plte nessa caixa de diálogo e observe que o botão Informações Adicionais está desativado. Informações Adicionais fornece informações adicionais sobre o plug-in. Se quiser fornecer informações adicionais sobre seus plug-ins, é necessário incluí-lo em um arquivo about.html. Faremos isso na próxima etapa.
    Figura 4. Plug-ins Incluídos na Aplicação RCP Hello World

Uma ação que não executamos é Ajuda > Conteúdo da Ajuda. Isso requer diversos plug-ins de Ajuda não incluídos na aplicação RCP Hello World. Portanto, essa ação não será executada até que os plug-ins de Ajuda necessários tenham sido incluídos. Faremos isso na próxima seção.

Etapa 4: Incluir Informações de Plug-in na Aplicação RCP Mínima Hello World

Aqui, são fornecidas informações sobre um plug-in através de seu arquivo about.html:

  1. Mova about.html do projeto do recurso com.ibm.plte.help para o plug-in com.ibm.plte.
  2. Assegure que tenha fechado a aplicação RCP ativada anteriormente. Volte para a página de visão geral do editor com.ibm.plte (plugin.xml) e clique em Ativar uma Aplicação Eclipse na seção Testes.
  3. Clique em Ajuda > Sobre.
  4. Clique em Detalhes do Plug-in.
  5. Selecione o plug-in com.ibm.plte. O botão Informações Adicionais deve estar ativado.
  6. Clique em Informações Adicionais e about.html será aberto em um navegador.
    Figura 5. A Descrição do Plug-in com.ibm.plte

Incluir Funções do Eclipse na Aplicação RCP Hello World

Neste ponto, a aplicação RCP Hello World é básica, com a exceção de alguns menus, ações e um arquivo about.html. Nesta seção, será feita a contribuição de quatro funções do Eclipse: menu/ação, página de preferências, visualização e uma manual de Ajuda. Será tomada a rota simples e os modelos PDE serão usados para gerá-las.

Etapa 1: Incluir Menu/Ação, Página de Preferência, Visualização e Manual de Ajuda

  1. Clique em Ctrl+N para abrir o novo assistente.
  2. Selecione Projeto de Plug-in e clicaremos em Avançar.
  3. Insira com.ibm.plte.ui mo campo de texto Nome do Projeto e clique em Avançar.
  4. Clique em Avançar.
  5. Selecione Assistente Customizar Plug-in e clicaremos em Avançar.
  6. Clique em Cancelar Seleção de Todos e clique em Conjunto de Ações de "Hello World", Índice da Ajuda, Página de Preferências e Visualizar. Clique em Concluir.

Etapa 2: Executar a Aplicação RCP Hello World com as Quatro Funções do Eclipse

Até este ponto, está sendo usado o link Ativar uma Aplicação Eclipse a partir da página de visão geral do editor com.ibm.plte (plugin.xml) para ativar a aplicação RCP Hello World. Nesta etapa, será usada a caixa de diálogo Executar para ativar a aplicação RCP, pois a aplicação RCP requer dependência de plug-ins adicionais para a Ajuda.

Etapas a executar:

  1. Assegure que tenha fechado a aplicação RCP ativada anteriormente. Selecione Executar > Executar para abrir a caixa de diálogo Executar.
  2. Selecione Aplicação Eclipse > Configuração da Aplicação Eclipse.
  3. Alterne para a guia Plug-ins.
  4. Selecione o plug-in com.ibm.plte.ui. Selecione Incluir Plug-ins Necessários e inclua os seguintes plug-ins sob a seção Plug-ins Externos:
    • org.apache.ant
    • org.apache.lucene
    • org.eclipse.help.appserver
    • org.eclipse.help.base
    • org.eclipse.help.ui
    • org.eclipse.help.webapp
    • org.eclipse.tomcat
    • org.eclipse.ui.forms
  5. Clique em Executar. Sua aplicação deve aparecer com um Menu de Amostra adicional.
    Figura 6. Aplicação RCP Hello World com Menu Ajuda
  6. Clique em Janela > Mostrar Visualização > Outro. Selecione Visualização de Amostra sob a pasta Categoria Simples . Indiretamente, foi incluída a pasta Ajuda como resultado da inclusão dos plug-ins dependentes da Ajuda. Clique em OK para abrir a Visualização de Amostra.
    Figura 7. Aplicação RCP Hello World com uma Visualização
  7. Clique em Janela > Preferências para abrir a caixa de diálogo de preferências. Verifique se há uma página de preferências Preferência de Amostra na caixa de diálogo. Indiretamente, foram incluídas as páginas de preferências da Ajuda por causa da inclusão dos plug-ins dependentes da Ajuda.
    Figura 8. Caixa de Diálogo de Preferências da Aplicação RCP Hello World
  8. Clique em Menu de Amostra > Ação de Amostra. Uma caixa de diálogo informativa é aberta.
  9. Clique em Ajuda > Conteúdo da Ajuda. O navegador da Ajuda será aberto e exibirá o Índice de Teste do manual de Ajuda.
    Figura 9. Conteúdo da Ajuda da Aplicação RCP Hello World

Etapa 3: Ativar a Barra de Ferramentas da Aplicação RCP Hello World

Ações podem ser incluídas na barra de menus ou na barra de ferramentas. Para exibir ações na barra de ferramentas, primeiro é necessário ativar a barra de ferramenta na aplicação RCP. Por padrão, quando uma aplicação RCP é gerada usando o modelo RCP Hello, não ativa a barra de ferramentas. Ative a barra de ferramentas executando o seguinte:

  1. Abra com.ibm.plte.ApplicationWorkbenchWindowAdvisor.java a partir do projeto com.ibm.plte.
  2. Modifique configurer.setShowCoolBar(false); para configurer.setShowCoolBar(true); e salve o arquivo.
  3. Assegure que tenha fechado a aplicação RCP ativada anteriormente. Volte para a página de visão geral do editor com.ibm.plte. Clique em Ativar uma Aplicação Eclipse na seção Testes. Agora, você verá a barra de ferramentas com uma única ação. Clicar nisso resultará na mesma caixa de diálogo de mensagem que aparece ao clicar-se em Ação Simples no Menu de Amostra.
    Figura 10. Aplicação RCP Hello World com Barra de Ferramentas

Etapa 4: Implementando as Mesmas Quatro Funções no Eclipse IDE

As quatro funções criadas não são exclusivas para aplicações RCP. Também podem fazer parte de uma ferramenta Eclipse. Esse é o benefício da estrutura Eclipse: é possível reutilizar os componentes do Eclipse. Nesta etapa, inclua os mesmos quatro recursos no Eclipse IDE:

  1. Assegure que tenha fechado a aplicação RCP ativada anteriormente. Clique em Executar > Executar para abrir a caixa de diálogo Executar.
  2. Crie a nova configuração da Aplicação Eclipse.
  3. Clique em Executar. Outro ambiente de trabalho Eclipse IDE será aberto. Verifique se as mesmas quatro funções incluídas acima aparecem nesse ambiente de trabalho do tempo de execução.

Criar um Produto RCP

Parte 3: Criar um Produto RCP Hello World

Em termos do Eclipse, um produto é tudo que acompanha sua aplicação, incluindo todos os outros plug-ins dos quais depende, recursos, um comando para executar a aplicação (chamado de ativador nativo) e qualquer determinação de marca (ícones, etc.) que tornem sua aplicação distinta.

Há dois tipos de determinação de marca no Eclipse: no nível do recurso e no nível do produto. Não existe nenhum ponto de extensão para definir a determinação de marca do recurso. O processo envolve colocar arquivos de determinação de marca do recurso em um plug-in, definir então esse plug-in na definição do recurso (feature.xml). Se o ID do recurso for idêntico ao ID do plug-in, não é necessário definir o plug-in na definição do recurso. Nesta seção, será definida a marca de um recurso chamado com.ibm.plte. Observe que esse recurso possui o mesmo ID que o plug-in com.ibm.plte.

A determinação de marca do produto é feita usando o ponto de extensão org.eclipse.core.runtime.product. O Eclipse fornece um editor de Configuração do Produto para ajudar a criar o ponto de extensão do produto. Um dos atributos que deve ser configurado com esse ponto de extensão é o nome do produto. O nome do produto será definido para com.ibm.plte.product. Observe que apesar de RCP ter sido introduzido no Eclipse V3.0, a função de Configuração do Produto não apareceu até o Eclipse V3.1. Na V3.0 ainda era possível criar um produto RCP definindo manualmente o ponto de extensão do produto, mas é muito mais complicado.

Observe que como o Eclipse IDE é uma aplicação RCP, também define esse ponto de extensão do produto. O nome do produto definido pelo Eclipse IDE é org.eclipse.sdk.ide.

Para determinar a marca da aplicação RCP Hello World, esse tutorial fornece diversos arquivos específicos de determinação de marca. A tabela abaixo mostra um mapeamento dos arquivos de determinação de marca para a aplicação RCP com marca determinada.

Tabela 3. Descrição dos Arquivos de Determinação de Marca de Amostra Usados para Customizar a Aplicação RCP Hello World

icons/jdg2eAbout.gifCustomizar a caixa de diálogo Sobre:
Customizar a caixa de diálogo Sobre:
icons/jdg2eProd.gifCustomizar a imagem do sistema de janela:
Customizar a imagem do sistema de janela:
splash.bmpCustomizar a tela inicial:
Customizar a tela inicial:
about.ini
about.properties
icons/jdg2eFeat.gif
Esses arquivos customizam a determinação de marca co recurso. about.ini define a imagem e as informações de Sobre a serem exibidas nas caixas de diálogo Sobre para o recurso com.ibm.plte. O arquivo about.properties extrai o texto de exibição de forma que possa ser convertido.
about.ini
about.properties

Etapa 1: Determinar Marca de um Recurso e Criar um Produto RCP Hello World

Etapas a executar:

  1. A partir do projeto do recurso com.ibm.plte.help, mova a pasta/arquivos a seguir para o projeto do plug-in com.ibm.plte:
    • pasta icons
    • splash.bmp
    • about.ini
    • about.properties
  2. Clique com o botão direito do mouse no projeto com.ibm.plte e selecione Novo > Configuração do Produto para abrir a caixa de diálogo Nova Configuração do Produto
  3. Insira plte.product no campo de texto Nome do Arquivo.
  4. Selecione o botão de opções Usar uma configuração de ativação e clique em Concluir. O editor plte.product é aberto.
  5. Na página de visão geral do editor plte.product, clique em Novo ao lado do ID do Produto. A caixa de diálogo Nova Definição do Produto é aberta.
  6. Selecione o projeto com.ibm.plte como o Plug-in de Definição.
  7. Insira o produto no campo de texto ID do Produto e clique em Concluir.
  8. Insira PLTE no campo de texto Nome do Produto.
  9. Selecione o botão de opções Recursos .
  10. Alterne para a página Configuração.
  11. Clique em Novo Recurso. O assistente Novo Recurso é aberto.
  12. Insira com.ibm.plte-feature mo campo de texto Nome do Projeto e clique em Avançar.
  13. Modifique o ID do Recurso para com.ibm.plte e clique em Avançar.
  14. Selecione os plug-ins com.ibm.plte e com.ibm.plte.ui, clique então em Concluir. O editor com.ibm.plte (feature.xml) é aberto.
  15. Alterne para a página Informações e alterne então para a página Contrato de Licença. Modifique o campo de texto URL Opcional para license.html.
  16. Alterne para a página Recursos Incluídos do editor e clique em Incluir.
  17. Selecione os recursos com.ibm.plte.help e org.eclipse.rcp e clique então em OK. Salve feature.xml.
  18. Volte para o editor plte.product e alterne para a página Determinação de Marca.
  19. Insira plte no campo de texto Nome do Ativador.
  20. Selecione o plug-in com.ibm.plte para a tela inicial.
  21. Para a imagem da janela 16x16, selecione com.ibm.plte/icons/jdg2eProd.gif.
  22. Para a imagem da caixa de diálogo Sobre, selecione com.ibm.plte/icons/jdg2eAbout.gif.
  23. Insira This is a sample PLTE application no campo de texto Texto.
  24. Salve plte.product.
  25. Mova license.html do projeto do recurso com.ibm.plte.help para o projeto do recurso com.ibm.plte.

Etapa 2: Executar um Produto RCP Hello World

Etapas a executar:

  1. Assegure que tenha fechado a aplicação RCP anterior. Vá para a página de visão geral de plte.product e clique em Ativar o Produto. Aparecerá uma tela inicial antes da aplicação RCP ser aberta. Verifique se a aplicação se assemelha à Figura 16. Observe que no canto superior esquerdo da aplicação RCP está a imagem especificada em plte.product.
    Figura 16. Aplicação RCP Hello World
  2. Clique em Ajuda > Sobre PLTE. Originalmente, esse nome de Ação era rotulado Sobre, mas agora anexa o nome do produto definido em plte.product. Como a aplicação agora contém recursos, a caixa de diálogo Sobre fornece informações adicionais sobre sua aplicação. A caixa de diálogo Sobre deve ser semelhante à figura a seguir. Observe que devido a um erro, o botão Detalhes do Recurso mostra somente o recurso org.eclipse.rcp e não o recurso com.ibm.plte. Somente os recurso com marca determinada serão mostrados na caixa de diálogo Detalhes do Recurso, portanto, o recurso com.ibm.plte.help não será visto. Quando exportar e executar essa aplicação RCP na próxima seção, verá o recurso com.ibm.plte.
    Figura 17. Caixa de Diálogo Sobre da Aplicação RCP Hello World

Implementando Fora do Eclipse

Após desenvolver uma aplicação, o objetivo é implementar e executar aplicações independentes sem que o usuário precise saber qualquer coisa sobre o código Java e Eclipse sendo usado por baixo. Para uma aplicação real, provavelmente, será fornecido um executável autocontido gerado por um programa de instalação como o InstallShield ou o NSIS. Isso está além do escopo deste tutorial, portanto, em vez disso, será criada uma versão simplificada do diretório de instalação do Eclipse. Esse diretório precisa conter o programa ativador nativo, startup.jar, config.ini e todos os plug-ins e recursos necessários para o produto.

O Eclipse fornece um assistente de exportação de Produto Eclipse para ajudar a construir o diretório de instalação do Eclipse em seu sistema de arquivos.

Etapa 1: Exportar o Produto RCP Hello World para o Sistema de Arquivos

Todos os projetos de plug-in e recurso contêm um arquivo build.properties. Esse arquivo é usado pelo Eclipse para descobrir quais arquivos devem ser exportados. Antes de exportar a aplicação RCP, deve-se atualizar esse arquivo com os arquivos ou pasta adicionais que foram incluídos no plug-in com.ibm.plte e no recurso com.ibm.plte. O arquivo build.properties não precisa ser atualizado manualmente. É possível usar a página de construção do editor plugin.xml ou feature.xml.

Etapas a executar:

  1. Vá para a página de construção do editor com.ibm.plte (plugin.xml). Selecione os arquivos ou pasta a seguir para exportar com o plug-in com.ibm.plte e salve o arquivo:
    • about.html
    • about.ini
    • about.properties
    • pasta icons
    • splash.bmp
  2. Vá para a página de construção do editor com.ibm.plte (feature.xml). Selecione o arquivo license.html para exportar com o recurso com.ibm.plte e salve o arquivo.
  3. Vá para a página de visão geral do editor plte.product e clique em Assistente de Exportação do Produto Eclipse para ativar o assistente de Exportação.
  4. Selecione Diretório como o Destino da Exportação. Especifique um local no sistema de arquivos para exportar a aplicação RCP e clique em Concluir.

Etapa 2: Executar o Produto RCP Hello World a partir do Sistema de Arquivos

Etapas a executar:

  1. Assegure que tenha fechado a aplicação RCP ativada anteriormente. Usando uma janela de prompt de comandos, vá para o local para onde a aplicação foi exportada. Execute o comando plte.exe. A mesma aplicação RCP executada anteriormente será aberta.
  2. Clique em Ajuda > Sobre PLTE para abrir a caixa de diálogo Sobre. Observe que a caixa de diálogo contém dois ícones acima do botão Detalhes do Recurso . O primeiro representa o recurso org.eclipse.rcp e o segundo representa o recurso com.ibm.plte.
    Figura 18. Caixa de Diálogo Sobre da Aplicação RCP Hello World
  3. Clique em Detalhes do Recurso para abrir a caixa de diálogo Sobre Recurso.
  4. Selecione o recurso com.ibm.plte. Observe que o botão Licença está ativado. Isso ocorre porque um arquivo license.html foi incluído anteriormente.
  5. Clique em Licença para abrir license.html em um navegador.
    Figura 19. Licença de Amostra da Aplicação RCP Hello World
  6. Localize e abra o plugin.xml do plug-in com.ibm.plte. Observe que esse plug-in define três pontos de extensão.
    • org.eclipse.core.runtime.applications -- Criado na Parte 1 usando o modelo RCP Hello RCP
    • org.eclipse.ui.perspectives -- Criado na Parte 1 usando o modelo RCP Hello
    • org.eclipse.core.runtime.products -- Criado na Parte 3 usando o Editor de Configuração do Produto
    Figura 20. plugin.xml do plug-in com.ibm.plte
  7. Volte ao ambiente de trabalho Eclipse. Clique em Executar > Executar para abrir a caixa de diálogo Executar e selecione Aplicação Eclipse > Configuração da Aplicação Eclipse. Observe que essa configuração contém a aplicação com.ibm.plte.application e o produto com.ibm.plte.product.
    Figura 21. Caixa de Diálogo Configuração de Ativação

Resumindo

Neste tutorial, aprendemos como construir uma aplicação cliente rica baseada em Java e Eclipse. A nova ferramenta no Eclipse V3.1 facilita a construção de aplicações RCP. No Eclipse V3.0, era um processo muito mais manual, mas o Eclipse V3.1 permite gerar aplicações rapidamente a partir de modelos RCP e empacotar e determinar a marca de seus plug-ins com uma UI de fácil utilização. Também aprendemos como incluir Ajuda em aplicações RCP.


Download

DescriçãoNomeTamanhoMétodo de download
Source codeos-ecl-rcpapp.zip57KBHTTP

Informações sobre métodos de download

Recursos

Aprender

Obter produtos e tecnologias

Discutir

Comentários

developerWorks: Conecte-se

Los campos obligatorios están marcados con un asterisco (*).


Precisa de um ID IBM?
Esqueceu seu ID IBM?


Esqueceu sua senha?
Alterar sua senha

Ao clicar em Enviar, você concorda com os termos e condições do developerWorks.

 


A primeira vez que você entrar no developerWorks, um perfil é criado para você. Informações no seu perfil (seu nome, país / região, e nome da empresa) é apresentado ao público e vai acompanhar qualquer conteúdo que você postar, a menos que você opte por esconder o nome da empresa. Você pode atualizar sua conta IBM a qualquer momento.

Todas as informações enviadas são seguras.

Elija su nombre para mostrar



Ao se conectar ao developerWorks pela primeira vez, é criado um perfil para você e é necessário selecionar um nome de exibição. O nome de exibição acompanhará o conteúdo que você postar no developerWorks.

Escolha um nome de exibição de 3 - 31 caracteres. Seu nome de exibição deve ser exclusivo na comunidade do developerWorks e não deve ser o seu endereço de email por motivo de privacidade.

Los campos obligatorios están marcados con un asterisco (*).

(Escolha um nome de exibição de 3 - 31 caracteres.)

Ao clicar em Enviar, você concorda com os termos e condições do developerWorks.

 


Todas as informações enviadas são seguras.


static.content.url=http://www.ibm.com/developerworks/js/artrating/
SITE_ID=80
Zone=Software livre
ArticleID=397178
ArticleTitle=Desenvolvendo seu Primeiro Aplicativo Eclipse RCP
publish-date=05262014